Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » REFORÇO ALVIVERDE!

EXCLUSIVO: Breno Lopes fala sobre chegada no Palmeiras e admite: "Mexeu muito comigo e com a minha família"

O atacante era o vice-artilheiro da Série B quando fora comprado pelo time alviverde, por cerca de R$9 milhões

Marcello Sapio Publicado em 05/12/2020, às 10h00

Breno Lopes, reforço do Palmeiras, falou com exclusividade ao SportBuzz
Breno Lopes, reforço do Palmeiras, falou com exclusividade ao SportBuzz - César Greco / Palmeiras

O Palmeiras, em uma negociação relâmpago, anunciou no meio de novembro a contratação do atacante Breno Lopes, que era um dos destaques da Série B, pelo Juventude.

No time gaúcho, ele vinha de marcas impressionantes: Nove gols e duas assistências em 19 partidas, o que chamou atenção dos grandes da Série A, obviamente.

O atacante veloz e com um faro de gol apurado mal chegou no alviverde e já estreara contra o Fluminense, além de ter sido inscrito na Libertadores.

Com todo esse choque de realidade, Breno Lopes conversou com exclusividade ao SportBuzz e falou como foi para ele essa mudança e como tem sido as primeiras experiências no Palmeiras, sobre Abel Ferreira e muito mais!

Apresentação de Breno Lopes, no dia 16 de novembro (César Greco / Palmeiras)

 

Como dito no começo, a negociação foi muito rápida para os padrões brasileiros, sendo resolvida em poucos dias.

Breno estava atuando com frequência no Juventude e revelou ter descoberto o interesse do Palmeiras no aeroporto: "A gente tinha jogado contra o CRB e eu estava no aeroporto de Porto Alegre quando meu empresário ligou falando do interesse e que poderia fechar a qualquer momento".

"Minha reação foi de felicidade ao saber que um dos maiores estava interessado em mim. Foi uma felicidade imensa, para mim e para toda a minha família", completou Breno.

Apesar da satisfação de ir para o Palmeiras, ele revelou que tinha os planos de permanecer no Juventude antes de chegar a oferta: "Eu e o elenco tínhamos um sonho de colocar o time de volta à Série A. Faz bastante tempo que eles não estão lá. Mas quando chega uma proposta como a do Palmeiras, não tem como recusar, foi algo que mexeu muito comigo e com a minha família. Fiquei triste por deixar o Juventude, mas muito feliz por realizar esse sonho que é jogar por uma grande equipe".

E para Breno, foi tudo muito rápido. Dias após desembarcar em São Paulo, já teve a oportunidade de entrar em campo, na vitória contra o Fluminense, nos minutos finais: "Tinha feito exames na quinta e na sexta-feira, treinei na sexta e não imaginava que poderia jogar essa partida, no sábado. Todo atleta tem que estar preparado para essas oportunidades e pude estrear com vitória. Agora é continuar trabalhando para aproveitar as próximas chances da melhor maneira".

A sua vinda gerou certas dúvidas na torcida, muito por não conhecerem o jogador. Assim, Breno revelou o que os palmeirenses podem esperar dele: "Eles podem esperar alguém que vai respeitar muito o peso dessa camisa. Não vai faltar garra, vontade, determinação e espero fazer aquilo que estava fazendo no Juventude. Ajudar a equipe com gols, assistências, ajudar na marcação, fazer meu melhor para ajudar o clube".

Quem vê o ano de Breno Lopes, enxerga uma temporada de destaque, mas nem tudo foram flores. No início de 2020, ele fora emprestado para o time de Athletico Paranaense, mas não teve muitas chances.

Após o retorno pro Juventude e a ida ao Palmeiras, o atacante desabafou sobre a sua passagem por Curitiba e relata quais foram os ensinamentos que teve: "Eu fui emprestado para integrar o time de aspirantes (sub-23) do Athletico e pude realizar a pré-temporada na Argentina, fiz dois amistosos, mas não tive as oportunidades que imaginava que teria. Mas tive uma experiência muito boa, jogadores com uma história muito bonita no futebol. Aprendi muito e vou usar para que possa fazer diferente aqui no Palmeiras".

Breno Lopes ao lado do vice-presidente do Palmeiras (César Greco / Palmeiras)

 

O atacante chegou em um momento de destaque na temporada. E muito disso tem a ver com a chegada de Abel Ferreira, que vem sendo muito elogiado tanto pelos jogadores, quanto pela mídia.

Ele comentou como vem sendo a experiência e como são os treinamentos do comandante português: "(Abel) é um professor muito atualizado e muito inteligente. Os treinos são de muita ênfase na parte técnica e na parte tática. São trabalhos muito intensos. Creio que vou evoluir muito com ele".

Além da "era Abel", a temporada do Palmeiras pode ser resumida, mesmo que ainda inacabada, como o ano da base alviverde. Nomes como Wesley, Danilo, Gabriel Silva, Renan, De Paula, Gabriel Menino e Verón estão tendo espaço e se destacando com belas atuações.

Breno Lopes, mesmo sendo jovem (24 anos) conta como é o relacionamento com as "crias da academia": "Realmente a base é muito forte. Hoje tem quatro jogadores que são considerados titulares e eles me passam muita confiança. Eles são muito gente boa e tenho certeza que, quem estiver dentro de campo, vai representar o Palmeiras da melhor maneira possível".

A sua vida no Palmeiras, mesmo ele já ganhando as oportunidades, teve um momento de impacto: O diagnóstico de Covid-19. Breno chegou ao time no mesmo momento em que o clube enfrentou um surto no elenco (mais de 20 atletas e comissão técnica pegaram o vírus).

Ele comentou sobre como foi receber a notícia: "É muito triste essa situação que estamos vivendo da pandemia. Estava em Caxias há seis meses e não tinha pegado e quando eu cheguei estava tendo um surto. Quando fiz e teste e recebi a notícia que meu teste tinha dado positivo foi muito triste, já que estava em um momento muito bom fisicamente e quando você fica 10/12 dias em casa, acaba perdendo um pouco".

Já recuperado (e inclusive, até participou do jogo contra o Athletico Paranaense), ele falou dos próximos passos: "Agora é focar nos treinos para aprimorar a parte técnica e física, para quando precisarem de mim, estar 100% para ajudar".

E o elenco do Palmeiras será bastante exigido. Juntamente com o Grêmio, o time está em três competições (Libertadores, Copa do Brasil e Brasileirão) com chances de título. 

Breno Lopes, por fim, falou como tem sido a mentalidade do grupo para encarar todas as competições até fevereiro: "A conversa é se manter focado, com humildade, como o Abel tem pedido, porque até agora não ganhamos nada. Temos muitas chances, pelo elenco, pelo momento, mas é só trabalhar, ter humildade, encarar cada jogo como uma decisão, que chegaremos muito forte nessa reta final da temporada".


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!