Sportbuzz
Testeira
Futebol / EITA!

Dirigente do Vasco detona VAR e Daronco na Copa do Brasil

Dirigente do Vasco perdeu a paciência com a atuação do VAR e de Daronco na Copa do Brasil

Redação Publicado em 05/08/2021, às 15h42 - Atualizado às 15h56

Dirigente do Vasco sai insatisfeito com Daronco e VAR na Copa do Brasil - Rafael Ribeiro/Vasco
Dirigente do Vasco sai insatisfeito com Daronco e VAR na Copa do Brasil - Rafael Ribeiro/Vasco

O Vasco deixou a Copa do Brasil na última quarta-feira, 4, depois de perder para o São Paulo e cair nas oitavas de final da competição. No entanto, a eliminação do Cruzmaltino acabou sendo um tanto quanto polêmica, visto algumas decisões tomadas por Anderson Daronco e também do VAR ao longo dos últimos 90 minutos do confronto entre os rivais paulistas e cariocas. 

 

Depois da eliminação do Vasco na Copa do Brasil, Alexandre Pássaro concedeu entrevista coletiva e se mostrou indignado com algumas decisões de Anderson Daronco e também do VAR. O dirigente vascaíno não saiu satisfeito com dois pênaltis não marcados para os cariocas, um gol anulado, além das expulsões de Lisca e também de Leandro Castán. 

"Estou com duas folhas na minha frente porque quando a gente vai falar de arbitragem, especialmente num jogo como de hoje, a gente precisa anotar para não se perder. Não se perder tanto como eles se perdem nos jogos. Ou não se perdem e fazem exatamente o aquilo que querem fazer. Isso não tem nada a ver com o resultado da partida", afirmou. 

Ele ainda seguiu: "Mas para quem vive e trabalha no futebol, em uma temporada com dois anos sem parada, é muito ruim quando vem um instrumento do jogo, porque o árbitro nada mais é do que um instrumento do jogo, embora os árbitros hoje sejam a estrela do jogo.... E (o árbitro) vem aqui e nos tirou o direito de disputar uma partida de igual para igual".

Alexandre Pássaro ainda seguiu fazendo fortes críticas para Anderson Daronco e suas decisões durante a eliminação do Vasco na Copa do Brasil.O dirigente abriu o jogo e pediu explicações para os responsáveis pela administração da arbitragem no país e fez uma série de ironias ao VAR. 

"O que se fala de bastidor... É difícil falar dessa coisa de ser favorecido no Brasil porque você pega o São Paulo, e eles foram prejudicados no Campeonato Brasileiro no sábado (contra o Palmeiras). No sábado próximo é capaz de ser prejudicado de novo porque a arbitragem é ruim, não tem cobrança. Agora o nosso digníssimo Gaciba, que eu não sei se ele está atuando, de férias ou se está trabalhando. A nossa arbitragem é brilhante. Eu tenho que dar entrevista, dirigente, jogador e o Lisca têm que dar entrevistas", ironizou. 

"Temos que nos explicar, mas árbitros não. Árbitro vai pegar o carrinho dele aqui, vai para o hotel, vai dormir e vai para casa. Não sei onde está o Gaciba, mas deve estar mexendo os pauzinhos dele dentro do departamento dele, mas hoje ele não responde a ninguém. Eu queria entender a quem o Gaciba responde hoje na CBF. Hoje ele (Daronco) veio aqui e prejudicou o Vasco", completou. 

INSATISFAÇÃO COM EXPULSÃO DE LISCA!

"As imagens da Vasco TV mostram o Lisca 40 segundos antes da expulsão. Ele estava mexendo no relógio, não falou nada. Ele expulsou para o Lisca não ir reclamar com ele ao final do jogo. Depois, quando os outros membros da comissão foram falar com ele, ele disse que era para o Lisca reclamar dele na coletiva. O nível é esse. Os oficiais da arbitragem me falaram que não entenderam a expulsão do Lisca. Os jogadores do São Paulo com os quais tenho boa relação falaram o mesmo".

IRONIAS PARA ANDERSON DARONCO!

"Quando eu estava no São Paulo, em 2019, esse mesmo Daronco apitou um jogo entre São Paulo e Vasco aqui e expulsou o Raniel, jogador do São Paulo. Num lance que muita gente questionou, na época todo mundo do lado do São Paulo reclamou. Então hoje ele veio aqui e prejudicou o Vasco do mesmo jeito que já prejudicou o São Paulo"

"Esse mesmo árbitro preferiu não ir para o VAR ver uma chave de braço que o Felipe Melo deu no Léo Matos. Mas ele não está preocupado com isso. A única novidade que vejo no Daronco da temporada passada para essa é a tatuagem no braço. Fechou o braço, tá bonitão na TV. Tá forte. Então é isso com o que ele está preocupado. Ele não se preocupa com outra coisa. Vamos fazer comparação com a Conmebol num erro bisonho que teve no jogo do Fluminense, e o árbitro foi suspenso no jogo seguinte"

"Aqui não tem suspensão, aqui ele é beneficiado. Só que ele continua apitando, deixam o Daronco apitar. Quem sabe ele pega um jogo no Nordeste agora, viaja dois dias antes se ele não tiver ocupado com a academia dele em Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Aí quem sabe ele pode viajar para o Nordeste tranquilinho para apitar um jogo bem mole, um jogo onde as torcidas não o conhecem muito. Tira um pouquinho do foco, coisa que a CBF sabe fazer muito bem".


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!