Sportbuzz
Testeira
Futebol / LIBERTADORES

Bruno Henrique decide (de novo), Flamengo vence Barcelona e enfrenta Palmeiras na final da Libertadores

Em noite de grande atuação de Everton Ribeiro, rubro-negro repete vitória sobre Barcelona e enfrenta Palmeiras na decisão

Redação Publicado em 29/09/2021, às 23h22 - Atualizado às 23h24

Bruno Henrique decide (de novo), Flamengo vence Barcelona e enfrenta Palmeiras na final da Libertadores - GettyImages
Bruno Henrique decide (de novo), Flamengo vence Barcelona e enfrenta Palmeiras na final da Libertadores - GettyImages

O Flamengo venceu o Barcelona de Guayaquil por 2 a 0 nesta quarta-feira, 29, no Monumental, e confirmou a vaga na final da Libertadores para enfrentar o Palmeiras na busca do tri. Com a vitória por 2 a 0 construída no jogo de ida da semifinal, no Maracanã, o rubro-negro precisava de um empate para avançar à decisão.

Bruno Henrique marcou os quatro gols do placar agregado. Na partida desta quarta-feira, Everton Ribeiro deu as duas assistências para o camisa 27. O goleiro Diego Alves também foi destaque no duelo em Guayaquil. 

 

O time comandado por Renato Gaúcho encara o Palmeiras na final em Montevidéu, no Uruguai, no dia 27 de novembro. Atual campeão, o Verdão avançou à decisão ao eliminar o Atlético-MG nesta terça-feira, no Mineirão. 

Com a vitória em Guayaquil, o Flamengo alcançou o 17º jogo de invencibilidade na competição. A última derrota foi há mais de um ano, na goleada por 5 a 0 sofrida para o Del Valle. A marca iguala o recorde de maior sequência invicta do Sporting Cristal, do Peru, atingida em 1960. Na atual temporada, o Fla tem 12 jogos, sendo nove vitórias e três empates.

A partida ainda marcou um recorde pessoal de Renato Gaúcho, que se tornou o técnico com mais vitórias na competição nacional, com 50 triunfos comandando times. O treinador brasileiro é seguido pelo colombiano Gabriel Uribe, com 49.

O Flamengo volta a campo no próximo domingo, 3, às 16h (de Brasília), para enfrentar o Athletico-PR, no Maracanã, pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. No mesmo dia, às 18h30, o Barcelona-EQU recebe o Mushuc Runa, pelo Campeonato Equatoriano.

O JOGO

No primeiro lance do jogo, antes de um minuto, Andreas Pereira recebeu o cartão amarelo por carrinho em Martínez. Aos nove minutos, David Luiz caiu no gramado, recebeu atendimento médico e precisou ser substituído por Gustavo Henrique.

O Barcelona teve as duas primeiras chegadas da partida. Aos seis minutos, Mastriani recebeu o cruzamento de Castillo, venceu Rodrigo Caio no alto e cabeceou para a defesa de Diego Alves. Aos 12, Castillo foi lançado na área e bateu cruzado, por cima do gol rubro-negro.

O Flamengo abriu o placar aos 17 minutos, com (outro) gol de Bruno Henrique. Autor dos dois gols da vitória na ida, o camisa 27 foi lançado por Everton Ribeiro, driblou o goleiro Burrai e, com liberadade, finalizou: 1 a 0 (3 a0 no agregado).

O time de Renato Gaúcho não diminuiu o volume de jogo após o gol. Aos 20 minutos, Gabigol tocou para Bruno Henrique na área, e o camisa 27 rolou para Andreas Pereira, que chutou rasteiro e mandou firme na trave.

O Barcelona chegou com perigo aos 23 minutos, em cobrança de falta de León e Diego Alves fez a boa defesa. Martínez ficou com o rebote, mas mandou para fora. Aos 29 minutos, o goleiro brasileiro salvou o Flamengo em chute cruzado de Martínez.

Na primeira chegada do segundo tempo, Bruno Henrique ampliou o placar aos quatro minutos. Gabigol foi lançado por Gabigol pela direita e passou na medida para Bruno Henrique completar: 2 a 0 (4 a 0 no agregado).

Aos 20 minutos, Perlaza arriscou de muito longe e mandou a bola com perigo ao gol de Diego Alves.

Em mais uma jogada do rubro-negro, aos 28 minutos, Everton Ribeiro tabelou com Gabigol, que chutou rasteiro de fora da área, mandando muito perto do gol do time equatoriano. Aos 36, em nova tabela de Everton e Gabigol, o atacante chutou e viu o goleiro Burrai mandar para escanteio. 

Placar final: 2 a 0 para o Flamengo.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!