Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » FARO DE GOL!

Veja os lendários camisas 9 do futebol brasileiro!

Eles marcaram época em vários clubes com seu faro apurado de gol

Marcello Sapio Publicado em 24/04/2020, às 16h47

Veja os camisas 9 lendários do futebol brasileiro
Veja os camisas 9 lendários do futebol brasileiro - Getty Images / Instagram / Acervo Histórico

O Brasil sempre teve o costume de revelar ótimos jogadores para o futebol.

O futebol ofensivo esteve na raíz do esporte tupiniquim e, com isso, grandes camisas nove brilharam pelos campos no Brasil afora.

O Sportbuzz separou uma lista com alguns dos lendários artilheiros que foram revelados no país e brilharam em suas carreiras.

VEJA LENDÁRIOS CAMISAS 9 DO FUTEBOL BRASILEIRO

Fred

Fred em atuação pela Seleção Brasileira (Crédito: 

 

Da lista, um dos únicos que ainda está em atividade. O camisa 9, que atualmente está sem clube, após deixar o Cruzeiro, mostrou desde a base que tem o faro de gol.

Fez sucesso pelos times de Minas Gerais, além de jogar muito tempo na Europa, pelo Lyon, conquistando um lugar na Seleção.

Ao voltar para o Brasil, conquistou dois títulos brasileiros pelo Fluminense, o que lhe rendeu a camisa 9 na Copa de 2014. Ele também esteve na Copa de 2006.

Atualmente é o maior artilheiro em atividade do futebol brasileiro, com 393 gols em toda a carreira.

Washington "Coração Valente"

Washington quando jogava pelo Fluminense (Crédito: Wikimedia Commons / Alex Carvalho)

 

Washington ficou conhecido aqui no Brasil como "Coração Valente", por conta do problema cardíaco que ele sofreu e conseguiu superar.

Em sua longa passagem, fez sucesso por diversos clubes, como Athletico Paranaense, São Paulo e Fluminense.

Ele também jogou no exterior, mais especificamente no Japão, e também teve uma rápida, e gloriosa, passagem na Turquia.

Depois de se aposentar, ingressou na carreira política como deputado, mas largou para virar coordenador da CBF, só que fora demitido após ser flagrado mostrando um lance de jogo para o treinador do Londrina, durante um jogo da Copa do Brasil.

Ricardo Oliveira

Coletiva de Ricardo Oliveira (Crédito: Transmissão Youtube)

 

O "pastor" também não poderia faltar nessa lista. Revelado pela Portuguesa, foi para o Santos e participou da geração de Robinho e Diego. Não demorou muito para que fosse descoberto pelos times da Europa e se transferisse para lá.

Teve um breve retorno em 2005, quando jogou pelo São Paulo e conquistou a Libertadores e o Mundial.

O auge de sua carreira fora pelo Milan, onde conquistou a Champions League. 

Ele também teve uma brilhante passagem pela Seleção Brasileira, tendo os títulos da Copa América e da Copa das Confederações, de 2004 e 2005, respectivamente.

Nos dias de hoje, joga pelo Atlético-MG, mas seu futuro no Galo é indefinido.

Túlio Maravilha

Tulio Maravilha (Crédito: Instagram)

 

Tulio Maravilha ultrapassou a marca dos 1000 gols, coisa que não é para qualquer um! 

O folclórico atacante passou por nada mais nada menos que 35 clubes em toda a sua trajetória, que durou de 1988 até 2016.

Entre todos estes clubes, seu auge foi pelo Botafogo, no qual teve participação especial no título brasileiro do clube, marcando mais de 100 gols em sua primeira passagem.

Seu último time fora o Taboão da Serra, que disputa a quarta divisão do Campeonato Paulista. Recentemente, participou do reality show da Rede Record, "A Fazenda".

 Reinaldo (Atlético-MG)

Reinaldo em ação pelo Atlético-MG (Crédito: Acervo Histórico)

 

Reinaldo ocupa o posto de maior artilheiro da história do Atlético-MG, com "apenas" 255 gols, entre os anos de 1973 a 1985.

Craque não só do galo, representou a Seleção Brasileira por mais de 10 anos, jogando a Copa do Mundo de 1978.

Após sair do Atlético, passou por Palmeiras, Cruzeiro e pelo futebol nórdico, mas sem o mesmo sucesso.

Depois, tentou a carreira como treinador no começo do século, mas rodou por equipes pequenas do estado de Minas Gerais. Seu último trabalho foi no Tricordiano, time da cidade de Três Corações.

Fernandão

Fernandão após um amistoso (Crédito: Wikimedia Commons / Manuela D'ávila)

 

Fernandão ocupa, sem dúvidas, o posto de um dos maiores ídolos da história do Internacional, por onde conquistou, entre outros títulos, a Libertadores e o Mundial de 2006.

Revelado pelo Goiás, teve uma breve passagem na França, até voltar para o Colorado, onde viveu o auge de sua carreira.

Saiu do Internacional em 2008 para o mercado árabe, mas voltou na temporada seguinte para o Goiás. Seu último clube fora o São Paulo, em 2011.

Chegou a ser diretor de futebol e treinador do colorado, mas ambas as passagens foram curtas.

Em 2014, estava em um acidente de helicóptero e acabou falecendo aos 36 anos. Em sua homenagem, foi colocada uma estátua em frente ao Beira-Rio.

Evair

Evair com a camisa do Palmeira, por onde fez sucesso (Crédito: Instagram)

 

Evair é um dos clássicos "camisa 9", sendo artilheiro em todos os clubes pelo qual passou.

Surgindo no Guarani, teve o auge de sua carreira usando a camisa alviverde, só que do Palmeiras, por onde foi protagonista das conquistas da "Era Parmalat".

Entre eles, conquistou o Paulistão de 93, que tirou o jejum de 17 anos sem títulos, o Brasileirão de 1993 e de 94, além da Libertadores de 99. Sendo em 1994, acabou a temporada com 53 gols.

Evair também passou por outros clubes, como o Vasco da Gama, Portuguesa e São Paulo. Encerrou a sua carreira em 2003, pelo Figueirense.

Casagrande

Walter Casagrande teve um pós-carreira conturbado (Crédito: Instagram)

 

Casagrande é um dos maiores ídolos da história do Corinthians, encabeçando um dos maiores movimentos da história do esporte: A Democracia Corintiana, ao lado de outros ícone, como Sócrates.

"Casão" também se aventurou na Itália, por onde jogou pelo Aspoli e pelo Torino, onde teve maior destaque, até voltar ao Brasil para defender o Flamengo.

Ele também ganhou uma Champions League, na época em que defendeu o Porto, de Portugal.

Depois de se aposentar, envolveu-se com problemas de dependência química, mas está curado. Trabalha no Grupo Globo como comentarista.

Ronaldo

Ronaldo no campo do Real Valladolid (Crédito: Getty Images)

 

Ronaldo é o tipo de jogador que dispensa apresentações. Desde o seu começo, no Cruzeiro, mostrou que seria um dos grandes jogadores do mundo.

Não demorou para que fosse para a Europa, mais especificamente para o PSV, da Holanda. Conseguiu fazer história e tem o posto de ídolo em todos os clubes em que passou.

Entre os times, estão rivais, como Inter de Milão e Milan, além de Real Madrid e Barcelona.

Pela Seleção, é o artilheiro da Canarinho em Copas, com 15 gols, e tem dois mundiais em seu currículo, o de 1994 e o de 2002.

Em sua volta para o Brasil, apesar de um pouco fora de forma, levou o Corinthians a títulos importantes, como a Copa do Brasil de 2010.

Atualmente, ele é dono do Real Valladolid, time da elite espanhola.


5 itens do seu time do coração que você não pode ficar sem

1- Camisa Adidas São Paulo 2018 - https://amzn.to/31uv12K

2- Livro Maquete 3D Estádio Vila Belmiro - https://amzn.to/2IZ3AaY

3- Mochila Corinthians - https://amzn.to/2psy3ax

4- Caneca com Abridor,  Flamengo - https://amzn.to/31uUJnQ

5- Fone de Ouvido Cruzeiro - https://amzn.to/33GhR4d

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!