Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » SELEÇÃO BRASILEIRA

Presidente pede trio do Santos na Seleção Brasileira

Orlando Rollo diz que jogadores merecem chances nas convocações do técnico Tite

Redação Publicado em 21/11/2020, às 17h29 - Atualizado às 17h31

Presidente pede trio do Santos na Seleção Brasileira: “O que estão jogando é impressionante”
Presidente pede trio do Santos na Seleção Brasileira: “O que estão jogando é impressionante” - Ivan Storti/Santos FC/Fotos Públicas

Orlando Rollo, presidente em exercício do Santos, pediu a convocação de três atletas do Peixe na Seleção Brasileira. Para o mandatário, o goleiro João Paulo, o zagueiro Lucas Veríssimo e o atacante Marinho merecem chance nas listas de Tite.

Enquanto falava da proposta por Veríssimo vinda do Benfica, de Portugal, Rollo analisou as oportunidades do trio santista, em coletiva nesta sexta-feira, 20. Os três jogadores ainda não foram convocados para a seleção. 

“Ele (Lucas Veríssimo) merece chance na Seleção Brasileira, assim como Marinho e João Paulo. O que esses meninos estão jogando é impressionante”, disse Rollo.

O Santos entra em campo neste sábado, às 19h (de Brasília), contra o Athletico-PR, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Negociação por Lucas Veríssimo

Orlando Rollo afirmou na coletiva desta sexta-feira que o Santos “precisa vender Lucas Veríssimo”. O clube tenta convencer o Conselho Deliberativo a liberar a negociação com o Benfica. O time português fez a proposta de 6,5 milhões de euros (R$ 41 milhões, na atual cotação) pelo zagueiro.

Por conta da eleição presidencial, o Conselho Deliberativo do Santos não aprovou a negociação em reunião na última terça-feira, 17.

“O Santos precisa negociar o Lucas Veríssimo. O Santos não tem condição de sobrevivência até janeiro se não negociarmos ele. O Santos tem dívida a curto prazo, entre salários e dívidas na Fifa, de cerca de R$ 54 milhões. Tínhamos recebíveis ínfimos, de aproximadamente R$ 5 milhões, quando assumimos. O atleta tem que ser negociado”, disse o presidente em exercício do Santos.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!