Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram Sportbuzz
Futebol » Reviravolta?

Najila Trindade volta à justiça contra Neymar Jr e desfecho surpreende

Modelo acionou seu advogado para solicitar algumas revisões no caso

SportBuzz Digital Publicado em 22/08/2019, às 12h22

None
- Najila Trindade (Crédito: Reprodução/SBT)

A acusação de estupro contra Neymar Jr, feita por Najila Trindade, veio à tona novamente.

Após a delegacia responsável e o Ministério Público arquivarem o caso, com a justificativa de que não haviam provas suficientes que embasassem a denúncia, o advogado da modelo recorreu à justiça para que o caso fosse reaberto e passasse por outra análise, com a inclusão de imagens internas do hotel onde a loira ficou hospedada em Paris, na França, quando se encontrou com o jogador da Seleção Brasileira.

Em seu pronunciamento, a juíza Ana Paula Gomes Galvão Vieira de Moraes disse que não encontrava nenhum tipo de irregularidade ou impedimento na atual decisão da justiça e que o desarquivamento não teria base suficiente somente com as provas que estão em evidência até o dado momento.

"Indefiro o pedido para desentranhamento da manifestação da defesa nos autos, uma vez que não vislumbro nenhum tipo de irregularidade ou impedimento. Anote-se, novamente, que o desarquivamento só se faz possível com base em novas provas", justificou a magistrada.

O Ministério Público também deixou claro que considerava desnecessários os pedidos feitos pela vítima, justamente pelo fato de que a decisão do arquivamento já havia sido estudada de forma aprofundada para chegar a decisão atual.

"A análise da valoração do depoimento da vítima foi feita, devidamente, pelo titular da ação penal, sendo o entendimento acolhido por este Juízo quando da decisão de homologação do arquivamento. Entendo desnecessária as demais diligências requeridas pela vítima", explica a juíza.