Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » Despedida

Felipe Melo lamenta demissão de Felipão: "Seu nome jamais deixará de ser forte no Palmeiras"

Jogador do alviverde se emocionou na despedida do técnico Luiz Felipe Scolari

SportBuzz Digital Publicado em 02/09/2019, às 23h37

Felipe Melo e Felipão
Felipe Melo e Felipão - Reprodução Instagram

Na noite desta segunda-feira, 2, o Palmeiras anunciou a saída do comandante Luiz Felipe Scolari. Após a má fase do time, com a eliminação da Libertadores para o Grêmio e a derrota por 3 a 0 para o Falmengo, no Brasileirão, Felipão já não assume mais o Verdão. 

O clube se reuniu com o técnico e decidiu pela demissão dele e da atual comissão técnica. Felipão  assumiu o time desde 2018, no ano da conquista do Brasileirão. Esse ano, contudo, não levantou nenhuma taça. 

Através das redes sociais, o jogador Felipe Melo se despediu do treinador e lamentou sua saída.

"Obrigado, professor. Como aprendi na convivência com o senhor. Sua experiência me ajudou, e muito, a crescer como pessoa e como profissional. A vida é sempre um aprendizado, e com o senhor aprendi a cada dia. Taticamente, me ensinou muito! Tinha o sonho de voltar ao Brasil, para uma grande equipe e conquistar mais um título importante na carreira, e o senhor, junto com o Carlão e o Paulo Turra, comandou o grupo que proporcionou esta conquista. Aliás, todos vocês me fizeram crescer. Puxou minha orelha, quando teve que puxar. Me abraçou, quando precisou me abraçar e choramos, juntos, quando se fez necessário chorar. Muito, muito obrigado a todos vocês", agradeceu o craque.

Sem poupar elogios a Scolari, o jogador continuou: "Não é por acaso, professor, que o senhor é um dos maiores vencedores do futebol mundial e o treinador do atual campeão do Brasil. Títulos do tamanho do seu caráter e da sua essência. O senhor deixa o clube, mas seu nome jamais deixará de ser forte na história do Palmeiras. Um forte abraço e até breve", concluiu ele. 

Com a derrota no Rio de Janeiro, o Palmeiras somou sete rodadas sem vencer no campeonato nacional. A pressão nos bastidores pela saída do treinador se deu pela sequência de resultados ruins.

Com 70 anos, Felipão renovou a equipe paulista e foi determinante na temporada passada. Mas não teve sucesso em fase mata-mata. 

Na coletiva de emergência que o Palmeiras convocou na semana passada, foi alegado que Luiz Felipe Scolari não seria demitido, mas parece que as coisas mudaram após a última derrota.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!