Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Futebol / CHAMPIONS LEAGUE

De virada, City vence Borussia Dortmund e se isola na liderança

O Manchester City venceu o Borussia Dortmund por 2 a 1, de virada, nesta tarde de Champions League; Haaland, apesar de decisivo, não comemorou o gol

Redação Publicado em 14/09/2022, às 18h06

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Gol de Haaland, que deu a vitória ao Manchester City - Michael Regan / Getty Images
Gol de Haaland, que deu a vitória ao Manchester City - Michael Regan / Getty Images

Nesta quarta-feira, 14, o Manchester City recebeu o Borussia Dortmund, no Etihad Stadium, para a partida da segunda rodada da Champions League. O placar final foi de 2 a 1, com gols de John Stones, Haaland e Jude Bellingham. Com a vitória, o City abre vantagem na liderança o grupo, com seis pontos.

Enredo emocionante

Os 45 minutos iniciais tiveram roteiro muito parecido. Apesar da posse de bola superior da equipe mandante, que trabalhou com muitos toques para o lado, mantendo as linhas altas e criando diversas jogadas, nenhuma das oportunidades do Manchester City levou muito perigo ao gol adversário, de forma que o time não teve nenhuma finalização correta no primeiro tempo.

O Dortmund, por sua vez, trabalhou bem sem a bola, com boa marcação sob a pressão adversária e fechando os espaços, buscando impedir que as bolas chegassem na área para o Haaland ter boas oportunidades. Ofensivamente, as chances que a equipe alemã criou, apesar de menos, se mostraram mais perigosas, obrigando o goleiro Ederson a fazer grandes defesas.

O jovem talentoso Jude Bellingham abriu o placar com pouco mais de 10 minutos na segunda etapa. Aos 56, o ídolo Marco Reus mostrou sua qualidade quando pegou um rebote na entrada da área e, com um belo cruzamento, colocou a bola na pequena área, onde a marcação de Haaland não acompanhou Jude Bellingham, que ficou livre para finalizar de cabeça.

Após sofrer o gol, houve uma melhora notável ofensivamente na equipe do City. Conseguindo criar chances mais perigosas, o time de Pep Guardiola pisou mais na área, obrigando a zaga do Borussia a fazer grandes roubadas de bola. Além da grande chance perdida por Haaland logo depois do gol, Hummels também brilhou ao tirar a bola de um grande ataque na pequena área.

Com dificuldade para finalizar na zona do funil, a maior oportunidade dos Citizens apareceu em um chute de fora da grande, por John Stones. Com caminho livre até o gol, o defensor surpreendeu com uma bola forte que chacoalhou as redes, passando bem ao lado do goleiro Meyer.

Apenas três minutos passados do empate, o cometa Haaland apareceu para decidir mais uma vez. Um gol típico de centroavante e como a equipe do City gosta, o norueguês recebe a bola dentro da pequena área para finalizar, bem em frente ao gol. Mesmo fazendo o gol da virada, o jogador demonstrou humildade e respeito ao seu ex-clube, ao não comemorar.

Haaland decide não comemorar gol da vitória, em respeito a ex-clube
Haaland decide não comemorar gol da vitória, em respeito a ex-clube (Créditos: Michael Regan / Getty Images)

Mesmo saindo com a derrota, o Borussia Dortmund fez uma grande partida na Inglaterra. Defensivamente, cometeu apenas um grande erro, que custou o segundo gol. Já no ataque, criou chances de perigo e manteve a consistência durante os 90 minutos. A torcida, que é conhecida por ser uma das melhores do mundo, cantou muito até o apito final.

O City, por sua vez, garante a liderança do grupo, após a goleada na primeira rodada, contra o Sevilla. Erling Haaland é o artilheiro do time até aqui, com três gols marcados. A equipe mostra que não só cria bastante, mas tem um estilo de jogo intenso e, diferente da primeira etapa, conseguiu levar muito perigo aos adversários.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!