Sportbuzz
Testeira
Futebol / VISH!

Atlético Mineiro: Após arbitragem polêmica, dirigente do América-MG quer áudio do VAR

Atlético Mineiro venceu o Campeonato Mineiro em cima do América-MG, mas decisões do VAR são questionáveis

Redação Publicado em 22/05/2021, às 20h47 - Atualizado às 21h39

Dirigente do América-MG deu declarações polêmicas sobre a decisão Atlético Mineiro e quer áudio do VAR - Mourão Panda / América
Dirigente do América-MG deu declarações polêmicas sobre a decisão Atlético Mineiro e quer áudio do VAR - Mourão Panda / América

O América-MG jogou de igual para igual contra o Atlético Mineiro e conseguiu arrancar dois empates em 0 a 0 contra os rivais na final do estadual. No entanto, o Galo tinha a vantagem do placar igualado e fez valer isso para conquistar pela 46ª vez o Campeonato Mineiro. 

Só que a decisão do estadual deve continuar fora de campo, pois o coordenador de futebol e ex-presidente do Coelho, Marcus Salum, quer ouvir os áudios do VAR. O dirigente saiu extremamente insatisfeito com o árbitro da partida e com a decisão de não ter ido ver um lance polêmico que ocorreu no final do jogo, quando Bauermann foi derrubado na área. 

"Não vou me desgastar mais. Porque é sempre do mesmo jeito. Eles não tem coragem. Falta coragem da arbitragem para fazer o que é certo. E hoje foi provado isso", afirmou. Ele ainda seguiu dizendo que o América Mineiro irá pedir a liberação do áudio do VAR para entender melhor como foi a comunicação do árbitro de campo com o de vídeo. 

"Eu brinquei lá no América que chegar a final é um grande feito. Ganhar, é muito mais difícil. A gente já sabe porque. Já evoluímos esse ano com o VAR, mas não foi suficiente. Faltou coragem. Eu quero dar uma informação: o América vai solicitar a federação o áudio do VAR. Eu falei com o juiz depois do jogo. Não é possível que o juiz não vá ver um lance da contundência que foi. Ele viu que foi pênalti, ele viu que houve o empurrão. Foi convencido pelo VAR sem ver as imagens. Foi o que ele nos disse. Impossível isso acontecer. Quero que a torcida do América saiba", seguiu. 

CONFIRA TUDO O QUE SALUM DISSE!

"São muitos anos de experiência, de vida, e a gente sempre vive mais do mesmo. Eu brinquei lá no América que chegar a final é um grande feito. Ganhar, é muito mais difícil. A gente já sabe porque. Já evoluímos esse ano com o VAR, mas não foi suficiente. Faltou coragem.
 
Quero deixar um recado para a torcida do América. Primeiro, parabéns pelo trabalho deste ano aos nossos jogadores. A torcida tem que se orgulhar disso. Parabéns ao Rodolfo, que fez vários gols de pênaltis em momentos decisivos. Estava com a cabeça baixa, mas ele é nosso artilheiro e sabe que vamos reconhecer o trabalho dele mesmo com a perda do pênalti. Parabéns ao Atlético pelo título. Mas, eu quero dar uma informação: o América vai solicitar a federação o áudio do VAR. Eu falei com o juiz depois do jogo. Não é possível que o juiz não vá ver um lance da contundência que foi. Ele viu que foi pênalti, ele viu que houve o empurrão. Foi convencido pelo VAR sem ver as imagens. Foi o que ele nos disse. Impossível isso acontecer. Quero que a torcida do América saiba.
 
Eu não vou me desgastar mais. Já entrei em campo, já fui punido, já xinguei muito. Não vou me desgastar mais. Porque é sempre do mesmo jeito. Eles não tem coragem. Falta coragem da arbitragem para fazer o que é certo. E hoje foi provado isso. O que eu quero dizer para a torcida do América é que, além de dar o parabéns para a torcida e nosso grupo, é que nós vamos pedir o áudio do VAR. Porque nós queremos saber o que aconteceu e responsabilizar as pessoas que fizeram o que fizeram com a gente.
 
Segue a vida. Temos preocupação com o Campeonato Brasileiro. O Euller fez uma bela palestra depois do jogo, o Lisca fez uma melhor ainda no vestiário. Segue a vida. O América está com foco no Campeonato Brasileiro".

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!