Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » CAMPEONATO BRASILEIRO

Athletico-PR vence Sport e garante vaga direta na terceira fase da Copa do Brasil

Furacão vence em casa, mantém nona posição da tabela e entra na terceira fase da Copa do Brasil. Leão fica sem vaga na Sul-Americana

Redação Publicado em 25/02/2021, às 23h23 - Atualizado às 23h25

Furacão vence em casa e garante vaga direta na terceira fase da Copa do Brasil. Leão fica sem vaga na Sul-Americana
Furacão vence em casa e garante vaga direta na terceira fase da Copa do Brasil. Leão fica sem vaga na Sul-Americana - Transmissão/ Globo

O Athletico-PR venceu o Sport por 2 a 0 nesta quinta-feira, 25, pela última rodada do Campeonato Brasileiro 2020. Jogando na Arena da Baixada, o Furacão venceu com gols de Nikão e Léo Cittadini. O Leão da Ilha chegou a marcar com Thiago Neves, mas o gol foi anulado após checagem do VAR.

 

Com a vitória, o Athletico chegou aos 53 pontos e garantiu o nono lugar da tabela de classificação, ficando com a vaga direta na terceira fase da Copa do Brasil. Com a vitória do Bahia, o Sport caiu para a 15ª colocação, com 42 pontos, e não entrou na zona de classificação da Copa Sul-Americana.

O Athletico-PR volta a campo no próximo sábado, 27, às 17h15 (de Brasília), contra o Cianorte, pela estreia do Campeonato Paranaense. Já o Sport visita o Sampaio Corrêa no domingo, 28, às 20h, pela estreia da fase de grupos da Copa do Nordeste.

O JOGO

O Athletico abriu o placar aos três minutos de jogo, com gol de Nikão. Após troca de passes, Christian acionou Renato Kayzer na área, que tocou para o meio, encontrando Nikão livre para finalizar para o gol: 1 a 0.

Aos 22 minutos, Dalberto recebeu belo passe nas costas da defesa, recebeu na frente, mas o goleiro Santos saiu do gol para fazer o corte.

O Furacão voltou a oferecer perigo aos 29 minutos. Renato Kayzer recebeu no meio e lançou Léo Cittadini na esquerda. O volante bateu de primeira, cruzado, mas viu a defesa sem rebote do goleiro Luan Polli.

O Sport assustou o Santos aos 32 minutos do primeiro tempo. Após cruzamento, a defesa do Athletico fez a defesa parcial. Thiago Neves dominou, ajeitou e finalizou, mas o goleiro do Furacão fez a defesa.

O Athletico quase marcou o segundo gol aos 37 minutos. Carlos Eduardo venceu quatro jogadores do Sport e tocou por cima do goleiro Luan Polli, mas o chute saiu fraco, dando oportunidade para a defesa cortar.

O Sport passou a criar mais chances e equilibrou o jogo. No final do primeiro tempo, aos 43 minutos, Patric recebeu o lançamento e ajeitou de cabeça para o meio da área. Ewerthon furou na primeira tentativa e foi bloqueado pela marcação na segunda.

No primeiro minuto do segundo tempo, o Thiago Neves chegou a marcar para o Sport, mas o gol foi anulado. No lance, Júnior Tavares cruzou para a área, Pedro Henrique não conseguiu cortar, e Adryelson chutou. O goleiro Santos deu o rebote, e Thiago Neves completou para o gol. O árbitro assinalou o impedimento após revisão do VAR.

Aos 11 minutos, o Furacão quase marcou o segundo. Em boa jogada o Athletico chegou com Abner, Carlos Eduardo, Christian e Nikão. O atacante ficou cara a cara com o goleiro, mas Luan Polli salvou.

Aos 40 minutos do segundo tempo, Léo Cittadini ampliou para o Furacão. Khellven recebeu na direita, ajeitou para o pé esquerdo e cruzou para a área. Léo Cittadini apareceu nas costas da marcação e tocou de cabeça, encobrindo o goleiro Luan Polli e mandando para a rede: 2 a 0.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!