Sportbuzz
Testeira
Futebol / Corinthians

Artilharia na NeoQuímica Arena: Jô empata com Romero e busca média de Guerrero

Mesmo com as recentes polêmicas, Jô segue buscando recordes pela camisa corintiana

Redação Publicado em 05/07/2021, às 09h53

Jô comemorando gol pelo Corinthians - Getty Images
Jô comemorando gol pelo Corinthians - Getty Images

Parece que mesmo com as polêmicas recentes, segue mostrando que é um dos maiores atacantes da história do Corinthians e de sua arena.

A prova disso é que no último domingo o jogador chegou ao seu 27º gol na NeoQuímica Arena, em Itaquera, se igualando ao paraguaio Ángel Romero como o maior artilheiro de lá. Depois dos dois, a lista segue com Jadson (24 gols), Guerrero (15 gols), Rodriguinho (14 gols). 

 

 

Com 34 anos e mais oportunidades em campo nesta temporada, o atacante tem todas as ferramentas para se tornar o maior artilheiro do estádio, que pode servir aos dois lados: o próprio Jô, que precisa reconquistar a torcida e a diretoria corintiana após as diversas polêmicas envolvendo seu nome, para assim não ser negociado e permanecer no time titular, e ao Corinthians que se vê carente de atacantes (principalmente centroavantes) em uma fase que não é das melhores (nem das piores). 

Mas sobre a estatística de média de gols, ainda precisa alcançar ao peruano Paolo Guerrero, que tem uma média de 0.60 gols por jogo (15 gols em 25 jogos). A média do atacante brasileiro é de 0.44 gols por partida (27 gols em 61 jogos). 

O fato é que , com polêmicas ou não, é um dos maiores atacantes da história do Corinthians e sua Arena.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!