Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » LIBERTADORES!

Emerson Sheik artilheiro e Cássio decisivo: relembre a conquista do Corinthians na Libertadores de 2012

Timão completa neste 4 de julho oito anos da histórica conquista da América

Lucas Miluzzi Publicado em 04/07/2020, às 08h00

Corinthians foi campeão da taça Libertadores da América
Corinthians foi campeão da taça Libertadores da América - Divulgação / Corinthians

A noite do dia 4 de julho, de 2012, no Estádio do Pacaembu, nunca será esquecida pelos torcedores do Corinthians. A data marca a principal conquista do clube em toda a sua história, foi o dia em que o Timão dominou a América e se tornou campeão da Copa Libertadores. 

O sonho tão desejado pela torcida alvinegra demorou para ser realizado, mas quando se tornou realidade veio de uma maneira inesquecível. O clube de Parque São Jorge foi o primeiro na história da competição a vencê-la de maneira invicta com oito vitórias e seis empates, em 14 partidas disputadas. 

Além disso, Timão saiu com o melhor jogador da América naquele ano e também com o destaque do time na Libertadores de 2012. Estamos falando de Emerson Sheik, que foi autor do dois gols que deram o título para o Corinthians na partida contra o Boca Juniors. Na campanha intereira, o ídolo alvinegro fez cinco gols e foi quem mais balançou as redes no torneio pela equipe paulista. 

Para trazer o sentimento daquela noite de volta aos corações alvinegros, o SportBuzz preparou uma matéria especial para relembrar os confrontos, os destaques e as dificuldades que o time passou ao longo daquela tão sonhada Libertadores da América. 

FASE DE GRUPOS 

O Corinthians caiu no Grupo 6 da Libertadores e não teve muitas dificuldades para passar de fase. Ao lado dele, estavam Deportivo Táchira, da Venezuela, Nacional, do Paraguai, e Cruz Azul, do México. Em teoria, o grupo era fácil e o Timão passaria com tranquilidade, mas a partida de estreia na Libertadores provou o contrário. 

Ainda com o fantasma da eliminação para o Tolima, da Colômbia, um ano antes, em 2011, o time de Tite sentiu o nervosismo e saiu atrás do placar. Com dificuldades para criar, o Timão conseguiu chegar a um empate no último lance do confronto com uma cabeçada de Ralf. O lance é lembrado até hoje pela torcida como um símbolo de virada para a equipe dentro da competição. 

Depois desse jogo, o Corinthians se encontrou na Libertadores, achou um jeito de jogar e deixou de lado a falta que o elenco tinha de um centroavante na grande área. Com Emerson Sheik e Jorge Henrique ou Willian e Liedson, Tite encontrou uma maneira de jogar com dois atacantes em velocidade e infiltrações dos meias Danilo, Alex e Paulinho. 

Com isso, a fase de grupos se encerrou com quatro vitórias, dois empates e 14 pontos conquistados. O Timão ficou com a segunda melhor campanha dessa parte do torneio, atrás apenas do Fluminense que fez 15 pontos. 

  • Deportivo Táchira (VEN) 1 x 1 Corinthians - Gol de Ralf
  • Corinthians 2 x 0 Nacional (PAR) - Gols de Danilo e Jorge Henrique
  • Cruz Azul (MEX) 0 x 0 Corinthians
  • Corinthians 1 x 0 Cruz Azul (MEX) - Gol de Danilo
  • Nacional (PAR) 1 x 3 Corinthians - Gols de Elton, Emerson e Jorge Henrique
  • Corinthians 6 x 0 Deportivo Táchira (VEN) - Gols de Douglas, Liédson, Emerson, Jorge Henrique, Paulinho e Danilo

MATA-MATA

A fase de mata-mata para o Corinthians fo intensa, cheia de descobertas no elenco e também resultou na consagração de alguns ídolos do time paulista. O confronto de ida, das oitavas de final, contra o Emelec, do Equador, marcou a estreia de Cássio como titular do Timão e também sua consolidação na equipe de Tite. 

O Corinthians empatou o jogo de ida, por 0 a 0. Na volta venceu com tranquilidade e fez 3 a 0 nos equatorianos. Nas quartas de final,  o Timão enfrentou o Vasco em duas partidas duras e que resultaram em um gol de Paulinho ao final da partida no Pacaembu. A cabeçada dele garantiu sua equipe nas semifinais. 

O penúltimo obstáculo do Corinthians para conquistar a Libertadores era o Santos, de Neymar, Ganso e Cia. Na Vila Belmiro, o Timão segurou o Peixe e contou com um golaço de Emerson Sheik para vencer por 1 a 0. No Pacaembu, saiu atrás, buscou o empate e garantiu vaga na sua primeira final no torneio sul-americano. 

A grande final foi marcada por um embate entre o Boca Juniors, um dos times com mais finais de Libertadores, e o Corinthians, que fazia sua estreia nessa fase da competição. A primeira partida foi realizada na La Bambonera e a estrela de Romarinho brilhou para fazer o gol de empate e levar a vantagem para São Paulo.      

No Pacaembu, o Corinthians fez uma partida segura e contou com uma noite inspirada de Emerson Sheik para levantar a taça. O atacante fez os dois gols da vitória alvinegra e se tornou um dos maiores ídolos da história do Timão. 

Durante o mata-mata, o Corinthians fez oito jogos, venceu quatro, empatou quatro, fez nove gols e sofreu apenas dois. No total, saiu como a quarta melhor defesa da competição, atrás apenas de Once Caldas, Real Potosí e Tigres. Já o ataque foi o segundo melhor com 22 gols feitos e perdeu só para o do Santos, de Neymar. 

  • Emelec (EQU) 0 x 0 Corinthians
  • Corinthians 3 x 0 Emelec (EQU) - Gols de Alex, Paulinho e Fábio Santos
  • Vasco 0 x 0 Corinthians
  • Corinthians 1 x 0 Corinthians - Gol de Paulinho
  • Santos 0 x 1 Corinthians - Gol de Emerson
  • Corinthians 1 x 1 Santos - Gol de Danilo
  • Boca Juniors 1 x 1 Corinthians - Gol de Romarinho
  • Corinthians 2 x 0 Boca Juniors - Gols de Emerson (2) 

REVEJA TODOS OS GOLS!


5 itens que vão conquistar o coração dos torcedores do Corinthians

1- Caneca Estriada Corinthians - https://amzn.to/2OYJgKB

2- Jogo Churrasco Inox Corinthians - https://amzn.to/2VUZCFq

3- Caneta Roller Pen De Metal Com Caderno Corinthians - https://amzn.to/31lta0g

4- Luminária LED Corinthians - https://amzn.to/2OXHR7a

5- Camisa Corinthians Basic Camuflagem - https://amzn.to/2J3eo7V

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

 

 

  

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!