Sportbuzz
Testeira
Futebol / COPA DO BRASIL

Com gols de Hulk e Nacho, Atlético-MG vence Fluminense e abre vantagem nas quartas da Copa do Brasil

Galo abre o placar, sofre empate, mas retoma liderança ainda no primeiro tempo e leva vantagem por vaga na semifinal

Redação Publicado em 26/08/2021, às 23h26

Com gols de Hulk e Nacho, Atlético-MG vence Fluminense e abre vantagem nas quartas da Copa do Brasil - Pedro Souza / Atlético / Flickr
Com gols de Hulk e Nacho, Atlético-MG vence Fluminense e abre vantagem nas quartas da Copa do Brasil - Pedro Souza / Atlético / Flickr

O Atlético-MG venceu o Fluminense por 2 a 1 nesta quinta-feira, 26, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Hulk e Nacho Fernández marcaram os gols do Galo no Estádio Nilton Santos. Fred (pênalti), descontou para o Tricolor.

Com o resultado, o alvinegro abre vantagem por uma vaga na semifinal da competição nacional. O Atlético joga por qualquer empate no jogo de volta, no Mineirão, para avançar.

O Fluminense precisa de uma vitória por dois gols de diferença para se classificar. Se vencer por um gol de vantagem, leva a decisão para os pênaltis. Vale lembrar que o gol marcado fora de casa não é critério de desempate.

O jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil será disputado apenas no dia 15 de setembro, quarta-feira, às 19h (de Brasília), no Mineirão. Quem avançar, enfrenta o vencedor do confronto entre Fortaleza e São Paulo.

O Fluminense volta a campo na próxima segunda-feira, 30, às 19h (de Brasília), quando recebe o Bahia, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. No domingo, 29, às 20h30, o Atlético-MG visita o Red Bull Bragantino, no Nabizão.

FRED IGUALA ROMÁRIO COMO MAIOR ARTILHEIRO

Com o pênalti convertido nesta quinta-feira, o atacante Fred chegou a 36 gols na Copa do Brasil e se igualou a Romário como o maior artilheiro da história da competição continental.

O centroavante de 37 anos tem 32 partidas pelo Tricolor na Copa do Brasil, sendo 16 vitórias, sete empates e oito derrotas. Fred balançou as redes 20 vezes pelo Fluminense.

Exceto por Fred, o top 6 da artilharia conta apenas com ex-jogadores: Romário (36 gols), Viola (29), Oséas e Paulo Nunes (28), e Dodô (26).

O JOGO

Em bom primeiro tempo, Fluminense e Atlético-MG contaram com dois acertos do VAR para formar o placar parcial, com vitória por 2 a 1 para o Galo.

O time mineiro abriu o placar aos 13 minutos de jogo. Após cruzamento de Vargas, a bola desviou em Luccas Claro e sobrou para Nacho, que finalizou. Nino tentou tirar, mas passou pela linha. Com revisão do VAR, Anderson Daronco validou o gol: 1 a 0.

Na primeira grande chance do Fluminense, aos 29 minutos, Nino desviou de cabeça para o gol, mas Everson fez a defesa em dois tempos. O Tricolor empatou aos 41 minutos, com Fred. Quatro minutos antes, Nino caiu na área depois do cruzamento de Egídio, e reclamou de falta. Após revisão no VAR, o árbitro marcou a penalidade. Fred foi para a cobrança, deslocou o goleiro e mandou no canto esquerdo: 1 a 1.

O Atlético retomou a liderança do placar aos 48 minutos, com gol de Hulk. EM rápido contra-ataque, o atacante fez a tabela com Nacho e ficou de cara para Marcos Felipe. Hulk tocou por baixo: 2 a 1.

No início do segundo tempo, o Galo pressionou o Fluminense, mas sem criar chances muito perigosas de gol. 

Aos 25 minutos, Fred recebeu o cruzamento de Samuel Xavier e, sozinho da marca do pênalti, cabeceou para fora. O Galo respondeu no minuto seguinte, quando Guilherme Arana arriscou de fora da área e viu Marcos Felipe fazer a boa defesa e mandar para escanteio.

O Fluminense ensaiou uma reação, mas não conseguiu levar perigo ao gol do Galo. Aos 31 minutos, Fred teve uma boa chance em cabeceio que acertou o travessão.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!