Sportbuzz
Testeira
Futebol / COPA DO BRASIL

Atlético-MG atropela Fortaleza e abre larga vantagem na semifinal da Copa do Brasil

Com primeiro tempo de gala e chuva de golaços, Galo mostra efetividade e goleia Leão no jogo de ida da semi da competição nacional

Redação Publicado em 20/10/2021, às 23h26 - Atualizado às 23h27

Atlético-MG atropela Fortaleza e abre larga vantagem na semifinal da Copa do Brasil - GettyImages
Atlético-MG atropela Fortaleza e abre larga vantagem na semifinal da Copa do Brasil - GettyImages

O Atlético-MG goleou o Fortaleza por 4 a 0 nesta quarta-feira, 20, no Mineirão, e abriu boa vantagem na semifinal da Copa do Brasil. Hulk, Réver, Guilherme Arana e Zaracho marcaram os gols do Galo.

Com o resultado, a equipe comandada por Cuca pode perder por até três gols de diferença no jogo de volta que garante a classificação à final da competição nacional.

Já o Leão do Pici precisa vencer por cinco gols de vantagem para avançar à decisão inédita. Se vencer por quatro gols de diferença, leva a decisão para os pênaltis. Vale lembrar que gol fora de casa não é critério de desempate na Copa do Brasil.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, 27, às 21h30 (de Brasília), na Arena Castelão, pelo segundo e decisivo jogo da semifinal da Copa do Brasil.

O Atlético-MG volta a campo no próximo domingo, 24, às 16h (de Brasília), para enfrentar o Cuiabá, em casa, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. No sábado, 23, às 19h15, o Fortaleza recebe o Athletico-PR na Arena Castelão.

O JOGO

O jogo no Mineirão começou movimentado. Logo no primeiro minuto, Pikachu lançou a bola na área e Matheus Vargas ajeitou para Felipe, que chegou chutando e mandou à esquerda do gol de Everson. Na chance do Galo, aos seis minutos, Guga recebeu o passe de Arana, mas mandou muito por cima do gol.

Aos 10 minutos, Éderson roubou a bola e puxou o contra-ataque. Vargas cruzou na área para Romarinho finalizar e ver Everson ficar com a bola.

O Galo chegou com perigo duas vezes em sequência. Aos 11 minutos, Réver lançou para Zaracho, que finalizou para a boa defesa de Felipe Alves. No minuto seguinte, Nacho cobrou o escanteio para a área e Keno desviou de cabeça. Lucas Crispim salvou na linha.

Com golaço, Guilherme Arana abriu o placar para o Atlético. Após falta cobrada por Hulk, o lateral aproveitou a sobra da bola, dominou com tranquilidade e mandou uma pintura no ângulo de Felipe Alves: 1 a 0. Os jogadores do Leão reclamaram que o árbitro apitou antes do lance e a defesa parou.

“É o que vocês viram, foi o que vocês puderam presenciar. Antes da bola entrar no gol, ele apitou. A nossa equipe parou. Foi um lance muito duvidoso e infelizmente nos tirou a concentração. Agora é buscar voltar melhor para o segundo tempo”, disse o zagueiro Titi à “Globo”.

Réver ampliou para o Galo aos 26 minutos. Após escanteio cobrado por Keno, o zagueiro subiu bem e desviou para o gol: 2 a 0.

Efetivo na primeira etapa, o Atlético contou com o gol de Hulk aos 40 minutos. Zaracho recebeu o lançamento de Keno, dominou e fez o lançamento para Hulk, que chegou cabeceando para o gol: 3 a 0.

No primeiro lance da segunda etapa, Zaracho confirmou a goleada do Galo. Após falta cobrada por Guilherme Arana, Felipe Alves espalmou e o meia ficou com o rebote para mandar por cobertura. Mais um golaço: 4 a 0.

Aos cinco minutos, Arana recebeu o passe de Keno e finalizou para a boa defesa de Felipe Alves. Aos 12, Hulk passou para Keno, que chutou na área e mandou com perigo para fora. 

Com larga vantagem, o Atletico controlou o resultado, mas seguiu no ataque. O time mineiro ainda chegou com chutes de Keno e Savarino.

Hulk precisou ser substituído aos 28 minutos, depois de sofrer um pisão na mão. Depois de receber o atendimento, foi direto para o vestiário.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!