Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz

Patinador Brendan Kerry é banido por abuso sexual de adolescente nos EUA

Australiano afirma ser inocente e quer recorrer ao seu banimento do esporte

Redação Publicado em 16/05/2024, às 18h53

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Patinador foi banido nos EUA - David J. Phillip
Patinador foi banido nos EUA - David J. Phillip

Brendan Kerry está banido de qualquer atividade esportiva nos Estados Unidos, de acordo com o SafeSport (Centro do Estados Unidos para o Esporte Seguro). Três vezes atleta olímpico da patinação artística, o patinador de 29 anos foi punido por abuso sexual de uma dolescente. Ele afirma ser inocente e pretende recorrer à decisão tomada pela instituição.

A afirmação da acusação é de que Kerry forneceu álcool a menor e manteve relações sexuais com ela durante a temporada de 2016/17, enquanto atuava como tecnico nos Estados Unidos. Segundo a SafeSport, ele admitiu que teve relações com a adolescente, mas afirma que não sabia que ela ainda não tinha idade para consentir tal ato.

Esse foi o comunicado de Brendan: “Depois de não ouvir nada da SafeSport durante quase três anos, recebi a decisão deles sem qualquer aviso prévio, sancionando-me por alegadas violações que não cometi. Essa decisão não é final e pretendo contestar esta suspensão e solicitar arbitragem perante um árbitro neutro, como é meu direito”.

O Comitê Olímpico da Austrália e a Federação Australiana de Patinação Artística afirmaram que não estavam cientes das acusações até o anúncio da punição da SafeSport. Apesar de a punição da SafeSport só ter validade nos Estados Unidos, onde a entidade tem jurisdição, Kerry deixou em comum acordo o cargo de técnico do Macquarie Ice Rink de Sydney.

A adolescente que acusou Kerry de abuso sexual decidiu em 2021 não prestar queixas criminais, assim o patinador só pode ser punido na esfera esportiva.