Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
Tênis / SERÁ QUE VEM?

Tsitsipas mostra confiança para 1ª vitória contra Alcaraz: “Objetivo…”

Em cinco confrontos, grego Stefanos Tsitsipas nunca venceu o espanhol Carlos Alcaraz no circuito de tênis mundial; mas isso pode mudar

Redação Publicado em 03/06/2024, às 15h00

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Stefanos Tsitsipas e Carlos Alcaraz - Getty Images
Stefanos Tsitsipas e Carlos Alcaraz - Getty Images

Derrotado nas cinco partidas em que se encontrou com o espanhol Carlos Alcaraz no circuito mundial de tênis, o grego Stefanos Tsitsipas acredita que pode mudar a história na atual edição do Roland Garros. Vindo de ótimos resultados na temporada de saibro, com o título do Masters 1000 de Monte Carlo, o vice-campeonato no ATP 500 de Barcelona e as quartas de final no Masters 1000 de Roma, o jogador está confiante para o confronto.

“Meu objetivo é evitar que ele jogue confortavelmente, encontrar uma forma de preocupá-lo e travar uma grande batalha. Ele é um dos melhores do mundo, mas sei que terei minhas oportunidades porque chego com confiança e estou jogando um ótimo tênis no saibro. É muito motivador mostrar a todos que sou capaz de vencê-lo. Depois de enfrentá-lo cinco vezes, acho que entendo o que ele faz melhor do que eu e qual abordagem tática devo aplicar. Ele se posiciona muito bem em quadra e costuma levar a melhor sobre mim, então terei que estar muito atento a isso e ser muito agressivo para impor meu estilo”, afirmou o número 9 do ranking mundial de tênis. Os dois não se enfrentam há um ano e a última partida foi exatamente nas quartas de final do Roland Garros de 2023.

Tsitsipas contou que descobriu a existência de Alcaraz durante a Laver Cup de 2019: “Porque (Rafael) Nadal nos disse que estava sendo criado um grande tenista espanhol e que em breve daria o salto. Naquele momento não estava nem entre os 300 primeiros do ranking, mas a partir daí acompanhei sua evolução e nos anos seguintes ele atendeu às expectativas”. Dois anos depois, em 2021, se enfrentaram pela primeira vez, na terceira rodada do US Open. “Foi uma grande batalha e espero que o jogo de terça-feira volte a evoluir nesse sentido. Aprendi muito com os nossos duelos, sei que devo ser melhor nos momentos importantes de cada partida”, completou o grego.