Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Tênis / CANADIAN MASTERS 1000

Djokovic está fora do Canadian Masters 1000 após recusar a se vacinar

Djokovic não tomou nenhuma dose da vacina contra o coronavírus, que está sendo exigida por muitos países que recebem os torneios de tênis neste ano

Redação Publicado em 05/08/2022, às 10h15

Djokovic, jogador de tênis - GettyImages
Djokovic, jogador de tênis - GettyImages

Djokovic está fora do Canadian Masters 1000! O evento, que está marcado para acontecer de 5 a 14 de agosto em Montreal, não contará com o astro sérvio competindo em quadra, já que ele segue se recusando a receber a vacina contra o coronavírus. É válido destacar que o tenista não tomou nenhuma das doses do imunizante, e está perdendo diversas oportunidades.

A Tennis Canada não divulgou os motivos reais da desistência de Djokovic, mas já é sabido que o Canadá está exigindo que todos os estrangeiros que cheguem ao país estejam vacinados para evitar ter que passar por uma quarentena de 14 dias. Esse mesmo problema está sendo enfrentado pelo sérvio para o US Open, nos Estados Unidos.

Inclusive, na semana passada, Djokovic escreveu em sua conta oficial no "Twitter" que está confiante de que vai poder participar da disputa do US Open, que vai acontecer em Nova York entre 29 de agosto e 11 de setembro. No entanto, os Estados Unidos também estão exigindo a vacina contra o coronavírus para todos os estrangeiros, que o sérvio se recusa a tomar.

Vale destacar que depois de ter faturado o troféu em Wimbledon, o próprio tenista garantiu que não iria se vacinar para participar do US Open ou do Cincinnati Masters. "Pessoalmente, não tenho esperança. Não acho que Biden vá mudar as regras antes do início do torneio", reforçou o técnico do tenista, Goran Ivanesic, há algumas semanas em seu pronunciamento sobre isso.

Djokovic em ação em quadra
Djokovic em ação em quadra (Crédito: GettyImages)

Ivanesic classificou como "absurdo" que "se você é vacinado, mas é positivo, pode entrar nos Estados Unidos, mas eles o proíbem se você não for vacinado e for negativo". "Há muita política no mundo do esporte", disse o campeão de Wimbledon de 2001, que sabe que da forma como está, Djokovic voltaria às quadras somente em setembro para a Copa Davis.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!