Sportbuzz
Surfe / QUE MOMENTO!

Surfe: brasileiros dão show e se garantem na próxima fase em Bells

Na quarta etapa do Mundial, os atletas do país verde e amarelo deram verdadeiro show nas duas primeiras fases e seguem vivos na disputa australiana

Redação Publicado em 12/04/2022, às 11h58

Brasileiros deram show com Miguel Pupo e companhia - @WSL / Ed Sloane
Brasileiros deram show com Miguel Pupo e companhia - @WSL / Ed Sloane

A Seleção Brasileira da WSL, que participa do ‘Rip Curl Pro Bells Beach’, está 100% classificada para a terceira fase desta quarta etapa do Mundial de Surfe. Nesta terça-feira, 12, o evento teve mais duas dobradinhas verde-amarelas vencedoras, de João Chianca com Caio Ibelli e de Deivid Silva com Miguel Pupo

O único que teve que passar pela repescagem foi Jadson André. Já Tatiana Weston-Webb estreou com uma das maiores notas do dia. A primeira chamada para a terceira fase das duas categorias será as 7h00 da quarta-feira na Austrália, 18h00 da terça-feira no Brasil, ao vivo pelo WorldSurfLeague.com e pelo Globoplay.com.

 

CANAL - SPORTBUZZ:

No segundo dia, a competição mudou para Winkipop, que fica mais à esquerda do palco principal, Bells Beach, pois as condições estavam melhores nas séries de 3-4 pés da terça-feira na gelada na região de Victoria, no sul da Austrália. É um pico também com longas direitas, porém com ondas mais rápidas, favorecendo o surfe de alta performance. 

O dia já começou com uma dobradinha brasileira. João Chianca foi rápido em surfar duas ondas boas no início da bateria e venceu por 11,93 pontos. Caio Ibelli tirou a maior nota, 6,33, para passar em segundo lugar com 11,33, mandando o norte-americano Conner Coffin para a repescagem da quarta etapa do Mundial.

Na segunda bateria do dia, Jadson André estava se classificando em segundo lugar até o último minuto, quando o australiano Jack Robinson achou uma boa onda para manobrar forte e ganhar nota 7,33. Jadson depois passou pela repescagem, junto com o campeão da etapa passada em Portugal, Griffin Colapinto

Mais dois brasileiros estrearam logo após Jadson ter ficado em último na bateria dele. E a terceira dobradinha verde-amarela foi sacramentada por Deivid Silva e Miguel Pupo, sobre o norte-americano Jake Marshall. A primeira aconteceu na segunda-feira, 11, com Filipe Toledo e Samuel Pupo mandando Mick Fanning para a repescagem. 

O resultado dessa última dobradinha com Deivid e Miguel foi apertado, com DVD vencendo por 11,27 pontos, contra 10,90 do Miguel e 10,84 do americano. "Eu fiquei bem nervoso no final da bateria, mas deu tudo certo e estou feliz por avançar junto com o meu amigo, Miguel (Pupo)", disse Deivid Silva à WSL. 

Miguel Pupo em ação
Brasileiros deram show na disputa de Bells (Crédito: @WSL / Ed Sloane)

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!