Sportbuzz
LIBERTADORES!

Fluminense: Braz faz forte acusação contra árbitro da Libertadores

David Braz fez uma acusação séria contra o árbitro da partida entre Olimpia e Fluminense; confira o que o zagueiro disse sobre Roberto Tobar

Redação Publicado em 17/03/2022, às 11h09

David Braz, zagueiro do Fluminense, fez um grande desabafo sobre a arbitragem na Libertadores - Lucas Merçon/Fluminense
David Braz, zagueiro do Fluminense, fez um grande desabafo sobre a arbitragem na Libertadores - Lucas Merçon/Fluminense

O Fluminense perdeu para o Olimpia e foi eliminado da Libertadores, mas David Braz fez um forte desabafo depois da partida. O zagueiro do Tricolor acusou o árbitro do jogo, Roberto Tobar, de chutá-lo após o final do confronto. De acordo com o defensor, ele nunca passou por uma situação como essa e pediu para que a Conmebol tome as providências cabíveis. 

"Eu já passei por outras situações e muitas vezes a melhor equipe não vence, os times com vantagem são superados. Faz parte [...] Quero lembrar que não só por isso, espero que as câmeras tenham visto que fui falar no final da partida que fiquei decepcionado com ele hoje. Fui agredido duas vezes e ele me deu cartão amarelo, a torcida do Olimpia jogou garrafas de Coca-Cola, eu entreguei e ele só jogou fora, não levou como pede a regra da Fifa que o árbitro tem que apresentar, anotar".

 

CANAL - SPORTBUZZ:

Espero que ele pelo menos escreva na súmula. No final do jogo ele me deu um chute na canela quando fui falar. Ele começou a falar a mesma coisa contra mim (que estava decepcionado), me deu um chute na canela e pisou no meu pé. Espero que as câmeras tenham pegado. É um árbitro muito bom, acompanhei em outros jogos e hoje ele foi infeliz. Pode ter se equivocado a favor da gente em alguns lances, mas estou falando de três momentos que lembro".

David Braz, durante a sua entrevista para a "Espn", ainda nos gramados do estádio Defensore De Chaco, o zagueiro do Fluminense comentou sobre a derrota da equipe na Libertadores. Segundo o próprio, o time errou em diversos momentos da partida , mas destacou que a arbitragem também foi responsável pela eliminação do clube na competição. 

Árbitro da partida entre Fluminense e Olimpia
Torcida do Olimpia jogou garrafas no campo durante o jogo contra o Fluminense na Libertadores (Crédito: Lucas Merçon)

 

"A gente tem que assumir os nossos erros, e não fizemos um primeiro tempo bom. Mas ninguém pode se esconder que teve um erro absurdo (de arbitragem) no começo da partida. Sabíamos que a gente tinha a vantagem, e se fizéssemos o gol no início, o time adversário poderia sentir e ser outro jogo. O árbitro foi muito infeliz de anular o gol legítimo, que não pegou no meu braço, mas sim no meu peito. Todo mundo viu. É uma vergonha o que ele fez", continuou desabafando.

O zagueiro do Fluminense ainda completou a sua fala dizendo que: "Depois disso começamos a ter erros, que foram fundamentais para essa situação, mas acima de tudo o erro do árbitro prejudicou muito a nossa equipe. A gente poderia ter aumentado essa vantagem, e conseguir o objetivo, que era passar de fase. É uma vergonha. O árbitro chileno envergonhou a Conmebol e essa competição grandissíssima, errando dessa forma. Uma vergonha".


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!