Sportbuzz
Outros Esportes / FÓRMULA 1!

Sergio Perez se surpreende com velocidade de Hamilton: "De outro planeta"

Avaliando a corrida histórica que Hamilton fez em Interlagos, Sergio Perez disse ter ficado impressionado com a velocidade do britânico nas retas

Redação Publicado em 18/11/2021, às 10h02

Lewis Hamilton, que impressionou Sergio Perez, segurando a bandeira do Brasil no pódio de Interlagos - GettyImages
Lewis Hamilton, que impressionou Sergio Perez, segurando a bandeira do Brasil no pódio de Interlagos - GettyImages

Mesmo sendo heptacampeão mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton continua deixando os fãs, e até mesmo os pilotos concorrentes boquiabertos com suas habilidades. A histórica corrida do britânico, no GP de São Paulo, ainda está rendendo, e deixou Sergio Perez, companheiro de Max Verstappen, impressionado com a velocidade atingida por ele nas retas.

Vale lembrar que Hamilton começou na 10ª posição, e terminou como o grande vencedor, ultrapassando os principais rivais na pista. Em entrevista, Perez destacou um momento durante a corrida do Brasil, que aconteceu pouco antes de ser ultrapassado pelo britânico, ainda durante a 19ª volta, das 71 que aconteceram na prova.

"A velocidade de reta dele é de outro planeta", disse o piloto mexicano antes de completar.

"Eu olhei no meu retrovisor na saída da curva e me senti bem segurou em relação à distância. Mas logo depois eu olhei de novo e ele estava na minha cola. Foi realmente impressionante", lembrou.

Uma das coisas que podemos afirmar do desempenho excepcional da Mercedes de Hamilton é também por conta da troca da unidade de combustão do motor, que causou a ele uma perda de cinco posições no grid de largada. Depois de todo o aperto, e a comemoração do final, a equipe considerou o desempenho do carro no Brasil "encorajador".

"Tivemos um bom ritmo nas condições mais amenas da sprint. Na corrida, foi uma performance muito forte, em uma pista muito quente. Chegamos a ver 50 graus em um circuito muito agressivo e o carro esteve muito bem. Fazer isso em várias sessões, com tamanha amplitude de condições, foi muito encorajador quando você olha para os desafios que teremos nas próximas três etapas", contou o engenheiro da Mercedes Andrew Shovlin.

No entanto, o chefe da equipe alemã, Toto Wolff não acredita que a vantagem do motor novo colocado no carro de Hamilton vá durar por muito mais isso. Isso porque a tendência é que haja uma perda considerável de desempenho conforme a unidade for sendo utilizada mais e mais vezes.

"Há uma queda no desempenho de qualquer motor. Isso significa que, embora estejamos correndo com ele até o final da temporada, certamente perderemos ritmo. Vamos até o fim do ano agora com esta unidade. Ainda temos dúvidas sobre a confiabilidade, mas esperamos ter as respostas certas", explicou.

Por ter ganho no GP de São Paulo, Lewis Hamilton voltou para a disputa pelo título mundial, que seria o oitavo de sua carreira. A diferença de pontos, que chegou a ser de 21 a favor de Max Verstappen, chegou em 14 faltando apenas três etapas para o fim da temporada.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!