Sportbuzz
Outros Esportes / SURFE!

Oitavas em Margaret River conta com Medina, Ítalo e mais quatro brasileiros; saiba mais!

Gabriel Medina e Ítalo Ferreira conseguiram se classificar para as oitavas de final da WSL

Redação Publicado em 03/05/2021, às 08h40

Medina e Ítalo Ferreira se classificam para as oitavas em Margaret River - GettyImages
Medina e Ítalo Ferreira se classificam para as oitavas em Margaret River - GettyImages
Os brasileiros fãs de surfe poderão acompanhar seis atletas nas oitavas de final da quarta etapa do Mundial de Surfe da WSL, em Margaret River, na Austrália. Gabriel Medina, Ítalo Ferreira e mais quatro se classificaram para a próxima etapa do torneio.
 
Medina teve um caminho complicado em sua bateria, mas seguiu firme na competição, assim como Peterson Crisanto, Caio Ibelli, Ítalo Ferreira, Jadson Andre e Filipe Toledo. Por outro lado, Deivid Silva, Alex Ribeiro, Adriano de Souza, Yago Dora e Miguel Pupo deixaram a competição.
 

Gabriel Medina

 
Medina largou atrás do australiano Connor O'Leary. Com quatro tentativas, tinha 1,9 ponto a menos que o seu adversário, mas a qualidade do bicampeão mundial falou mais alto.
 
Ele conseguiu surfar boas ondas, trouxe um 7,50 e um 7,47, e ainda virou a disputa, vencendo por 14,97 a 11,57. Agora nas oitavas, medirá forças com Seth Moniz, do Havaí.
 
Outro a fazer bonito foi Peterson Crisanto, que largou com 7,83 e desde o início da bateria liderou as notas contra o australiano Owen Wright, vencendo por 14,76 a 12,60. Seu rival nas oitavas será outro havaiano, John John Florence.
 

Caio Ibelli

 
Ninguém teve a pontuação de Caio Ibelli no round 3. Na bateria contra Michel Bourez, ele conquistou duas notas acima de oito para chegar a 17,04 (8,17 + 8,70) e eliminar o francês, que ficou com 13.24.
 
Nas oitavas, Caio fará um dos duelos brasileiros contra Ítalo Ferreira, que depois de conseguir quatro ondas com notas de sete para cima, teve uma vitória segura sobre o australiano Adrian Buchan: 15,57 a 10,50.
 
As duas últimas baterias da fase foram exclusivamente brasileiras. Na primeira, vitória suada de Jadson Andre sobre Yago Dora (10,90 x 10,64) e em seguida, fechando as disputas, Filipe Toledo eliminou Miguel Pupo com 13,73 a 11,33.
 

Infelizmente não deu

 
Entre os que deixaram a competição, Alex Ribeiro é o que mais pode lamentar, isso depois de perder a bateria 5 para o sul-africano Jordy Smith por apenas 3 centésimos (12,67 a 12,64). O campeão mundial Adriano de Souza não resistiu ao português Frederico Morais, que avançou com 14,50 a 12,30.
 
A disputa na Austrália continua nesta segunda-feira, 3. A chamada está prevista para 20h (horário de Brasília).

 
 
 
 
 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!