Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Outros Esportes » FÓRMULA 1

Médico de Schumacher nega tratamento experimental: “Eu não faço milagres”

Profissional da medicina ressaltou que muito do que se fala sobre o ex-piloto é mentira

SportBuzz Digital Publicado em 01/10/2019, às 13h35

Michael Schumacher
Michael Schumacher - GettyImages

Desde que foi anunciada a transferência de Michael Schumacher para o Hospital Georges-Pompidou, em Paris, na França, muito se passou a especular sobre o tratamento envolvendo o grande nome da Fórmula 1.

Em uma recente entrevista para o jornal italiano La Repubblica, o cirurgião cardiovascular Phillippe Menasché falou um pouco sobre o tratamento realizado com o ex-piloto. Colocando um ponto final em rumores sobre o estado de saúde e evolução do alemão, o médico foi franco em sua declaração.

"Com células-tronco não faço milagres. Com minha equipe, não estamos fazendo nenhuma experiência, um termo abominável que não corresponde a uma visão séria da medicina. É verdade que fui o primeiro a fazer transplantes de células-tronco no coração, mas o ciclo de testes clínicos se encerrou há dois anos", disse ao diário italiano.

Justificando sua fala, o profissional de medicina disse que o tratamento a que Schumacher foi submetido teve muito progresso nos últimos 20 anos, porém, afirmou que ainda se sabe muito pouco sobre o assunto, o que dificulta maiores aplicações e conclusões.

Schumacher está com 50 anos e se recupera de um grave acidente de esqui sofrido em dezembro de 2013, nos Alpes Franceses, quando bateu a cabeça em uma rocha. 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!