Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz

John Shimooka é encontrado morto em sua casa, na Austrália, e Kelly Slater desabafa: “Coração partido”

Surfista havaiano não teve a causa da morte divulgada pelas autoridades responsáveis

Redação Publicado em 16/11/2020, às 09h05 - Atualizado às 09h07

Kelly Slater e John Shimooka
Kelly Slater e John Shimooka - Instagram

Kelly Slater usou de seu perfil oficial nas redes sociais para lamentar a partida de um amigo do mundo do surfe. John Shimooka foi encontrado morto dentro de sua casa, na Austrália, aos 51 anos de idade.

Sem as causas da morte reveladas, o surfista ficou conhecido não só por ser um dos nomes da elite, mas também por trabalhar como comentarista na televisão australiana, onde comentava sobre o mundo dos esportes.

Abalado com a notícia, o ídolo do surfe, Slater disse: Meu coração está partido, Shmoo. Eu sinto muito. Pensei que tínhamos isso resolvido.”

Além dele, outros grandes nomes fizeram homenagens, até mesmo a WSL, entidade responsável pela organização dos eventos mundiais de surfe. 

“A WSL está triste por saber da morte de John Shimooka. Ex-nome do circuito, executivo da indústria (do surfe), comentarista e técnico, ele teve um grande impacto no mundo do surfe. Nossos corações estão com sua família e amigos”, dizia o comunicado.

Com uma carreira breve, ele se aposentou em 1992, logo após chegar entre os 20 de todo o mundo. Em 1999, já longe dos mares, John se mudou para a Austrália.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Kelly Slater (@kellyslater)

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por World Surf League (@wsl)

 


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!