Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Outros Esportes » FÓRMULA 1

Imprensa europeia diz que Mercedes pode deixar Fórmula 1 em 2020; entenda

Falta de acordo com promotora da categoria para 2021 e economia de bilhões dólares podem pesar na decisão

Gabriela Santos Publicado em 29/01/2020, às 15h49 - Atualizado às 16h17

Imprensa europeia diz que Mercedes pode deixar Fórmula 1 em 2020; entenda
Imprensa europeia diz que Mercedes pode deixar Fórmula 1 em 2020; entenda - GettyImages

A Mercedes pode estar no último ano como equipe na Fórmula 1, permanecendo apenas como fornecedora de motores. As especulações crescem, e de acordo com os sites europeus ‘Racefans’ e ‘Autocar’, o futuro da marca alemã será definido no dia 12 de fevereiro.

Os sites apontam que nesta data, uma reunião seria realizada para definir a situação da equipe de Lewis Hamilton e Baltteri Bottas, que pode passar às mãos do atual chefe Toto Wolff em uma parceria com Lawrence Stroll, pai do piloto da Racing Point Lance Stroll. De acordo com as publicações, o empresário canadense entraria no negocia vendendo a Racing Point e comprando a marca Aston Martin, além do time, que seria rebatizado.

A Mercedes ainda não entrou em acordo com a Liberty Media em relação à continuidade do time para a temporada de 2021. Portanto, fatores indicam que a equipe alemã estaria nos seus últimos dias na Fórmula 1.

Primeiramente, a montadora está em busca de uma reestruturação, com enxugamento de, no mínimo, US$ 1,5 bilhão (cerca de R$ 6,3 bilhões) até 2022. Outro ponto é que a manutenção dos atuais motores híbridos se enquadraria na intenção da Mercedes de caminhar para os carros elétricos. Hoje, a montadora possui uma equipe na Fórmula E.

Além disso, com seis títulos consecutivos de Pilotos e Construtores, a Mercedes só teria a perder com sua permanência na Fórmula 1 com um regulamento feito praticamente do zero, no qual outras equipes teriam condições de recuperar terreno.

Até o momento, a Mercedes apenas renovou seus contratos de fornecimento de motores com Racing Point e Williams, e retomou uma parceria com a McLaren. Lewis Hamilton e Valtteri Bottas só têm contrato com a equipe alemã até o final da temporada de 2020.

Desde 1950, a atual Mercedes vem tendo a melhor fase de uma equipe na história da Fórmula 1. Nenhuma outra equipe venceu seis títulos consecutivos de pilotos e construtores nas mesmas temporadas, de 2014 a 2019.

Na era de motores híbridos e sistemas de recuperação de energia, a Mercedes soma 89 vitórias em 120 corridas nas últimas seis temporadas, com 73% de aproveitamento.


5 itens de times internacionais que todo amante do futebol vai querer ter

1- Camisa Juventus 1985 Retrô - https://amzn.to/2JeQQgo

2- Caneca Scandinavia Real Madrid - https://amzn.to/2oh7iWs

3- Porta Tênis c/ 2 divisões Manchester City - https://amzn.to/32GlAin

4- Funko Pop! Paris Saint-Germain Kylian Mbappé - https://amzn.to/2pJkLGO

5- Bola Bolsa Esportiva Barcelona - https://amzn.to/2MGSGsQ

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!