Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Outros Esportes » LAMENTÁVEL!

Fórmula 1: Túmulo de ex-piloto é depredado na Suécia, diz jornal

Ronnie Peterson morreu aos 34 anos depois de sofrer um acidente no GP da Itália de 1978

Izabella Macedo Publicado em 31/03/2020, às 14h57

Túmulo de ex-piloto da Fórmula 1 é depredado na Suécia
Túmulo de ex-piloto da Fórmula 1 é depredado na Suécia - Transmissão Fórmula 1

No último domingo, 29, de acordo com o jornal sueco Nerikes Allehanda, o túmulo do ex-piloto de Fórmula 1, Ronnie Peterson, foi depredado por vândalos em Örebro, sua cidade natal.

A publicação afirma que o ataque parece não ter sido direcionado ao exato local em que os restos mortais de Peterson estão, mas sim pode-se tratar de uma ação aleatória e que infelizmente acabou atingindo o túmulo do ex-piloto.

"É vergonhoso. Não teve nada a ver com o Peterson especificamente. Tudo indica que agiram indiscriminadamente. A lápide está caída e realmente não é algo engraçado”, disse a liderança da igreja local, Brita Wennsten, ao jornal sueco.

Peterson era conhecido como "O Super Sueco" e pelo seu país, foi o piloto mais bem sucedido somando 123 corridas, 14 poles, 10 vitórias e dois vice-campeonatos.

Tommy Peterson, irmão de Ronnie não se surpreendeu com a ação, mesmo que os danos não tenham sido somente na lápide do ex-piloto.

“Não é algo inteligente de se fazer. Você nunca deixa de se surpreender com como as pessoas veem o mundo”, afirmou. 

A polícia de Orebro investiga o ato de vandalismo, mas os possíveis envolvidos ainda não foram identificados.
 

The SuperSwede, como era chamado, morreu depois de sofrer um acidente no GP de Monza, em 1978, enquanto lutava pelo título contra Mario Andretti. O piloto sobreviveu ao impacto inicial, mas foi ao hospital com um total de 27 fraturas. A situação inicialmente instável piorou durante a noite e Peterson não conseguiu resistir aos ferimentos nas pernas.

Uma embolia foi apontada como causa da morte nas primeiras horas do dia 11 de setembro.

Sua esposa nunca superou a morte do marido e anos depois acabou cometendo suicídio.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!