Sportbuzz
Olimpíadas / VÔLEI MASCULINO

Em jogo disputadíssimo, Brasil vence a França no tie-break, e avança tranquilo às quartas de final das Olimpíadas!

Brasil e França fizeram um jogo quase que histórico nas Olimpíadas, que foi decidido no último detalhe

Redação Publicado em 01/08/2021, às 01h55

Jogadores do Brasil comemorando a vitória diante da França nas Olimpíadas - GettyImages
Jogadores do Brasil comemorando a vitória diante da França nas Olimpíadas - GettyImages

Diante de um adversário duro, o Brasil entrou em quadra neste sábado, 31, contra a França, para buscar mais uma vitória no vôlei masculino das Olimpíadas. A seleção chegou empolgada depois de vencer três dos quatro compromissos que teve até aqui.

Além disso, por conta dos resultados positivos que conquistou, o Brasil já estava com a classificação para as quartas de final garantida, e entrou em quadra mais tranquilo, mas buscando uma melhor posição no grupo.

O jogo

Primeiro set

O Brasil começou o jogo com muitos erros de saque, entregando pontos de graça para a França, que somou com Lucarelli, o primeiro a sacar, e logo depois com Wallace errando o dele.

Apesar disso, o Brasil se recuperou rapidamente, e com o próprio Wallace, já marcou, tendo que lidar com um bom primeiro rally, onde Ngapeth atacou, mas mandou direto para fora, dando o ponto para a equipe brasileira.

Com Lucarelli, Leal e Wallace firmes no ataque, e o bloqueio eficiente de Lucão, que marcou dois dos três pontos do Brasil, a equipe verde e amarela conseguiu vencer o primeiro set por 25 a 22.

Segundo set

O segundo set começou deixando tudo igual. A grande quantidade de erros de saque no início também acabou proporcionando muitos pontos de graça para ambas as seleções.

Para se ter uma ideia do equilibrio da partida, no terceiro set point, Wallace marcou, para fechar para o Brasil, mas a França acabou pedindo o desafio, pedindo o toque na rede do Maurício, que foi confirmado depois da revisão.

Depois de mais de 10 duros, longos, e tensos set points, com 50 minutos de duração, o segundo set foi fechado pela França, em 39 x 37.

Terceiro set

Embalado com o set que por pouco não se tornou o mais histórico das Olimpíadas, a França começou pontuando. Lucão foi o nome da partida, indo bem tanto no ataque, como nas pontuações por bloqueio.

Foi ele que, inclusive, fechou o terceiro set, fazendo Brasil 25 x 17 França.

Quarto set

Wallace já chegou chegando, e de ace, marcou para o Brasil no momento em que o placar anotava Brasil 5 x 1 França.

Em um rally disputado, Thales mergulhou, Lucão salvaoucom o pé, e Lucarelli não teve piedade, soltando uma bomba para marcar mais um ponto para o Brasil.

Mantendo o equilíbrio até este set, tivemos quatro set points até a França fechar com 25 a 21, e encaminhar a partida para o tie-break.

Tie-Break

O Brasil chegou querendo a vitória, e abriu quatro pontos de vantagem da França, até que os adversários acordaram, e voltaram a pontuar, chegando cada vez mais perto dos brasileiros.

A França começou a encostar quando Le Goff foi para o bloqueio simples para cima de Maurício Souza. Nesse momento o placar marcava Brasil 8 x 6 França.

Com Brasil 16 x 17 França a equipe francesa estava indo para o quarto match point, quando Lucarelli chegou para mandar uma bomba na quadra adversária, e garantir a virada para o Brasil, que precisava de um ponto para sair com a vitória.

No saque, Lucarelli desperdiçou a chance de liquidar a partida, mas depois da saída da França, Leal colocou os brasileiros na briga de novo, em seu segundo match point.

Fim de jogo! Brasil 20  x 18  França!


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!