Sportbuzz
Olimpíadas / TÊNIS DE MESA!

Dono da melhor campanha do Brasil nas Olimpíadas, Hugo Calderano vence, e vai às quartas do tênis de mesa!

Hugo Calderano conseguiu alcançar um resultado histórico para o Brasil nas Olimpíadas, pelo tênis de mesa

Redação Publicado em 27/07/2021, às 11h17

Hugo Calderano conquista marca histórica para o Brasil nas Olimpíadas, pelo tênis de mesa - GettyImages
Hugo Calderano conquista marca histórica para o Brasil nas Olimpíadas, pelo tênis de mesa - GettyImages

Nesta terça-feira, 27, o Brasil fez história novamente no tênis de mesa! Hugo Calderano conseguiu cravar uma inédita classificação para as quartas de final das Olimpíadas depois de bater Jang Woojin, número 12 do ranking, por 4 sets a 3.

Com parciais de 11/7, 9/11, 6/11, 11/9, 4/11, 11/5 e 11/6, o brasileiro é dono do melhor desempenho do país no tênis de mesa das Olimpíadas. Antes dele, dois mesa-tenistas se garantiram nas oitavas de final pela primeira vez em todas as edições dos Jogos.

Além de ter marcado seu nome na história do tênis de mesa brasileiro nas Olimpíadas, Hugo Calderano ainda superou seu próprio desempenho, da Rio 2016, quando parou nas oitavas, assim como foi com a campanha de Hugo Hoyama em Atlanta 1996.

Hugo é a esperança de pódio em Tóquio para o Brasil, e agora, vai encarar nas quartas de final, o alemão Dimitrij Ovtcharov nesta quarta-feira, 28, às 9h (horário de Brasília).

A definição da vaga

Encarando uma partida muito disputada, Hugo Calderano começou fazendo a junção entre potência e variação, surpreendendo o adversário com seus ótimos saques.

No primeiro set, o brasileiro conseguiu encaixar uma boa sequência, vencendo por quatro pontos na parte final, e levando a melhor por 11/7.

Logo depois, o duelo continuou muito equilibrado, com as parciais sendo definidas apenas no detalhe. Já no segundo, Jang Woojin deu menos pontos, e se privilegiando de alguns erros de Calderano, acabou fechando em 11/9.

No terceiro set Hugo teve o gosto amargo, depois de abrir 4/2 de vantagem, mas depois ter que ver o sul-coreano embalar em uma sequência de sete pontos e ganhar confiança dentro do jogo fechando em 11/6.

Tendo que dar uma segurada no ritmo do adversário, Hugo Calderano foi mais confiante para a quarta parcial, ficando em vantagem durante grande parte e, anulando as tentativas de reação de Jang Woojin, quando vencer por 11/9, deixando tudo igual.

No quinto set, o brasileiro teve um desempenho bem abaixo, sem contar com o mesmo nível das parciais anteriores. O mesa-tenista do Brasil foi dominado pelo sul-coreano, que conseguiu fechar em 11/4 sem grandes problemas.

Ficando em desvantagem no confronto, Hugo Calderano não se abalou, decidiu apostar na ofensividade para mudar o panorama e foi bem no quarto set, levando a melhor por 11/5.

Dessa forma, a decisão ficou para a sétima e última parcial, onde o equilíbrio ficou do começo ao fim do duelo. No entanto, foram a experiência e a consistência do brasileiro, diante de um sul-coreano que sentiu a pressão e cometeu erros bobos, que definiu a vitória do Brasil.

Acertando um belo backhand, Hugo Calderano finalizou com a vitória por 11/6, e colocou o Brasil nas quartas de final do tênis de mesa nos Jogos Olímpicos pela primeira vez na história.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!