Sportbuzz
Busca
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify SportbuzzTiktok Sportbuzz
NFL / "NÓS GANHAMOS?"

Após sedação, Damar Hamlin acorda e faz pergunta inusitada

Após sofrer com uma parada cardíaca, Damar Hamlin, do Buffalo Bills, acordou da sedação e perguntou aos médicos o resultado da partida contra o Cincinnati Bengals: “Nós ganhamos?”

Redação Publicado em 05/01/2023, às 19h20

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Damar Hamlin acorda e faz pergunta inusitada - Getty Images
Damar Hamlin acorda e faz pergunta inusitada - Getty Images

A equipe de médicos que está acompanhando Damar Hamlin, astro da NFl que sofreu uma parada cardíaca dentro de campo, cederam uma entrevista coletiva e falaram sobre o estado do jogador. Após dois dias sedado, o atleta acordou na noite da última quarta-feira, 4, e perguntou aos profissionais: “Nós ganhamos?”. O questionamento faz referência ao duelo entre Buffalo Bills e Cincinnati Bengals, jogo em que ele sofreu o infarto.

Apesar do bom estado, o jogador segue entubado, com auxílio de ventilação mecânica, mas conseguiu se comunicar com o médico escrevendo, com papel e caneta na mão. Ele se comunicou por escrito. “E eu respondi: ‘Sim, Damar, você ganhou. Você ganhou o jogo da vida’”, declarou Timothy Pritts, médico que está atendendo o jogador.

Consciente após o acidente, Hamlin ouviu o relato dos médicos sobre o que aconteceu com ele mesmo e se mostrou surpreso por ter ficado dois dias “fora do mundo”. Os profissionais ainda revelaram que o jogador está avançando em sua recuperação, conseguindo mexer as mãos e os pés.

Com os semblantes aliviados e alegres dos médicos, é visível que a evolução do jogador de 24 anos está caminhando bem. “Chegamos a ficar muito apreensivos com a situação dele, mas houve melhoras substanciais nas últimas horas”, disse William Knight. Além disso, foi reforçado que suas condições neurológicas foram preservadas, mas ele segue em observação.

Damar Hamlin em combate contra o Bengals (Crédito: Getty Images)
Damar Hamlin em combate contra o Bengals (Crédito: Getty Images)

Por fim, os médicos relataram que ainda não existem informações suficientes para cravar o motivo do mal súbito, mas que ainda será feita uma bateria de testes. “Não temos respostas definitivas, os exames ainda estão em andamento. Commotio cordis é raro e é um diagnóstico de exclusão, então temos que fazer testes antes. É cedo para confirmar”, finalizou Knight.