Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram SportbuzzSpotify Sportbuzz
Mercado da Bola / DE OLHO!

PSG abre o jogo sobre chegada de reforços e define quantidade ideal

Após amistosos em solo japonês, PSG retomou o foco nas negociações do mercado da bola e pretende anunciar algumas novidades nos próximos dias

Redação Publicado em 25/07/2022, às 16h34

PSG segue atento ao mercado da bola europeu - GettyImages
PSG segue atento ao mercado da bola europeu - GettyImages

Depois dos amistosos em solo japonês, o PSG voltou sua atenção para a chegada de reforços visando o início da nova temporada do futebol francês. Com o objetivo de reformular o elenco e dar mais opções para o técnico Christophe Galtier, a diretoria quer acelerar as negociações para dar condições de treinamento aos jogadores contratados.

Questionado sobre a chegada de reforços, Galtier confessou que espera mais quatro nomes para o elenco do Paris Saint-Germain. No entanto, o treinador adotou o bom humor para comentar as especulações do mercado da bola. Durante entrevista coletiva, o comandante do time francês detalhou a procura por reforços feita pela diretoria.

Eu não disse nada. Obviamente, a administração está trabalhando para fortalecer o time. Mas daí para saber quem vai chegar… vamos tentar recuperar, dormir bem e quem sabe quando chegarmos a Paris tenhamos a surpresa de ter um, dois, três, quatro novos jogadores (risos)! Mas, mais sério, o clube está trabalhando para fortalecer o elenco. Veremos o que vai acontecer”, analisou Galtier.

Durante a conversa com os jornalistas, Christophe Galtier falou em "riscos" que o seu time teria de correr para conseguir as vitórias. Além disso, o treinador do PSG foi muito questionado pela forma como encontrou um equilíbro entre a defesa e o ataque. De acordo com o técnico, o seu time variou nas partidas e alternou bons e maus momentos.

Galtier no comando do PSG
PSG confia nas escolhas de Galtier (Crédito: GettyImages)

"Foi um jogo muito bom, muito dinâmico durante 60-70 minutos, com duas equipes que tentarem atacar constantemente, o que deve ter agradado aos espectadores que viram os gols. Quanto a nós, houve dois períodos diferentes. O primeiro muito bom, o segundo perdemos intensidade depois de dez minutos e isso tornou nossa última meia hora muito mediana”, disse.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!