Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola » SANTOS

Presidente do Santos anuncia venda de Diego Pituca para time do Japão; volante fica até final da Libertadores

Andres Rueda confirma negociação pelo volante, autor de um dos gols da classificação do Peixe à final da Libertadores

Redação Publicado em 15/01/2021, às 13h24 - Atualizado às 13h25

Presidente do Santos anuncia venda de Diego Pituca para time do Japão; volante fica até final da Libertadores
Presidente do Santos anuncia venda de Diego Pituca para time do Japão; volante fica até final da Libertadores - Getty Images

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, 15, o presidente do Santos, Andres Rueda, confirmou a venda de Diego Pituca para o Kashima Antlers, do Japão. O mandatário disse que o clube japonês pagará por 50% dos direitos do jogador.

O volante, que marcou o primeiro gol da vitória por 3 a 0 sobre o Boca Juniors, deixará o Peixe após a disputa da final da Libertadores. A decisão será no dia 30 de janeiro, no Maracanã, contra o Palmeiras.

“A proposta do time japonês para o Pituca é uma proposta muito boa para o jogador em matéria financeira. Acabamos negociando com eles uma condição financeira que tinham colocado. O valor que estão pagando é por 50% dos direitos econômicos do Pituca. Não queríamos que deixasse o clube, mas chega um momento em que o atleta tem o direito de crescer na vida. Acabamos fechando essa operação. Repetindo: sempre lutamos e conseguimos que os jogadores só deixassem o clube após a Libertadores”, disse Rueda.

O Kashima Antlers ofereceu 1,6 milhão de dólares (R$ 8,2 milhões) em dezembro, mas a proposta foi recusada pelo Santos na ocasião.

Além disso, Rueda afirmou que negociou com os jogadores que pretendem deixar o Santos para que saiam do clube após a decisão da Libertadores e, em alguns casos, do Mundial de Clubes.

O presidente disse que as vendas não foram concretizadas para acumular caixa, mas de forma pontual, por já estarem sendo conversadas há um tempo.

“Vender jogador não é agradável, ainda mais jogador que a gente gosta. Essas vendas não foram feitas para efeito de caixa. Obviamente que isso vai ajudar o clube, mas essas vendas foram pontuais. Não foram feitas na parte financeira do clube. Eu acredito que no futebol vender e comprar faz parte do dia a dia, mas vendas para suprir caixa eu vou tentar evitar o máximo possível. Só em último caso. Mas não está dentro do nosso planejamento vender jogador para suprir rombo financeiro. Essas vendas já estavam em andamento. Não é legal vender o Lucas e o Pituca, mas faz parte”, completou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!