Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira

Manchester City: Após perder zagueiro para o Barcelona, Guardiola quer astro do Real Madrid

Guardiola quer tirar Sergio Ramos do Real Madrid e trazer para o Manchester City

Redação Publicado em 31/05/2021, às 13h49 - Atualizado às 14h44

Sergio Ramos, do Real Madrid, é um desejo de Guardiola para o Manchester City
Sergio Ramos, do Real Madrid, é um desejo de Guardiola para o Manchester City - GettyImages

O Manchester City perdeu a Champions League, mas vai seguir em busca de reforçar o seu elenco para trazer o troféu mais desejado da Europa para a sua sala de conquistas. Após perder Eric García para o Barcelona, Guardiola estaria interessado na chegada de um zagueiro e Sergio Ramos, do Real Madrid, é o jogador mais desejado pelo treinador catalão. 

 

De acordo com informações da "ESPN Brasil", o Manchester City está estudando a possibilidade de oferecer um contrato válido por duas temporadas e com chance de extensão por mais um ano. No entanto, o clube inglês vai aguardar a resolução das negociações entre Sergio Ramos e Real Madrid, caso não haja um acordo, os Citizens devem focar em sua chegada. 

Ainda segundo a publicação, o zagueiro vai se reunir nos próximos dias com o presidente do clube merengue para chegar num número que agrade as duas partes. Se esse acordo não ocorrer, Guardiola estaria focado em tirar Sergio Ramos do Real Madrid e trazer para ser o seu mais novo reforço para a parte defensiva do City. 

A oferta de duas temporadas ainda não foi definida, pois o Manchester está estudando toda a parte física para que Sergio Ramos possa ser contratado por mais dois anos. Com a saída de Eric García para o Barcelona, o elenco de Pep Guardiola ficou um pouco mais enfraquecido na defesa e a chegada do ídolo do Real Madrid agregaria muito ao elenco estrelado dos Citizens.  

GUARDIOLA FICOU ORGULHO DO VICE NA CHAMPIONS LEAGUE!

Depois de conseguir levar o ManchesterCity em sua primeira final de Champions League, PepGuardiolaamargou sua primeira derrota na decisão neste sábado, 29, mas pelo que mostrou, lidou bem com a situação.
 
O comandante do Manchester City chamou a atenção depois de receber a medalha de prata pelo vice-campeonato e beijá-la, em um gesto de valorização pela boa campanha. O gesto foi tão comentado porque difere do de muitos atletas, que logo retiram a premiação quando perdem.
 
 
Depois da partida, Guardiola concedeu entrevista coletiva e avaliou a derrota em tom de resiliência, procurando poupar os jogadores de críticas após a derrota por 1 a 0 para o Chelsea, no Estádio do Dragão, no Porto, em Portugal.
 
"Não tenho nada para criticar meus jogadores, eles estiveram comprometidos. Nossa ambição agora é descansar, e depois nos prepararmos para a próxima temporada. Foi a primeira vez que chegamos nesta fase. Espero que estejamos aqui novamente no futuro. Tentaremos no ano que vem", disse.
 
Guardiola tinha disputado duas decisões de Champions em sua carreira e havia saído vencedor de ambas, com o Barcelona, nas temporadas 2008/09 e 2010/11.
 
Depois de uma década em tentativas frustradas de chegar à final na competição com Bayern de Munique e Manchester City, conseguiu alcançar o jogo decisivo com a equipe inglesa.
 
"Foi uma temporada excepcional para nós. Foi um jogo acirrado, tivemos chances. Fomos brilhantes no segundo tempo, fomos corajosos e não conseguimos concretizar as oportunidades. Os jogadores foram excepcionais. Talvez voltemos um dia de novo", completou.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!