Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola » SERÁ?

Juan Carlos Osorio estaria muito próximo de se tornar treinador do Santos, diz imprensa mexicana

Juan Carlos Osorio voltaria para o Brasil, mas desta vez para comandar o Santos

Redação Publicado em 27/04/2021, às 08h02

Juan Carlos Osorio estaria próximo de se tornar treinador do Santos
Juan Carlos Osorio estaria próximo de se tornar treinador do Santos - GettyImages
Parece que o Santos está mais próximo de ter um novo treinador do que a torcida imagina após a saída de ArielHolan. Segundo informações do jornalista mexicano GustavoMendoza, da "Fox Sports do México", JuanCarlosOsorio será o nome escolhido pela diretoria.
 
 
O técnico colombiano voltaria ao Brasil depois de ter feito uma passagem pelo SãoPaulo em 2015. Ele deixou o Tricolor paulista quando recebeu uma proposta para comandar a Seleção Mexicana.
 
Assim, Osorio está desempregado desde novembro de 2020, quando teve que deixar o AtléticoNacional e agora, receberia uma nova oportunidade com o clube paulista, que procura sair de uma má fase. 
 

Holan deixou o Santos

 
Após a terceira derrota seguida no comando do Santos, o treinador ArielHolan pediu demissão do cargo. Em conversa com o presidente AndrésRueda, o argentino solicitou que o jogo diante do Boca Juniors seja o último à frente da equipe.
 
Apesar do pedido de Ariel Holan, a diretoria do Santos ainda não definiu se o treinador comanda a equipe diante do Boca Juniors. Caso a decisão seja pela despedida imediata, o auxiliar MarceloFernandes pode ser o técnico do Peixe na Libertadores.
 
Porém, o pedido de Ariel Holan é que a despedida aconteça diante do Boca Juniors. Assim, o duelo seria o último do argentino no comando do Santos. Todas as informações foram reveladas pelo presidente Andrés Rueda.
 
Em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira, 26, Rueda deu maiores detalhes da conversa com Ariel Holan e relatou que a frente da casa do treinador foi vítima de foguetórios após a derrota diante do Corinthians.
 
"Ontem, conversando com o treinador após o jogo, de uma maneira muito transparente, ele nos solicitou que seu jogo contra o Boca fosse o último à frente do time", contou Rueda.
 
"Ponderamos, não era o que eu queria. O pessoal confunde projeto de três anos com contrato de três anos com o treinador. Existe uma quebra de contrato de qualquer parte. Ponderamos e de comum acordo aceitamos essa situação. Tentei reverter, não teve jeito. Houve até caso de fogos no apartamento dele. Soltaram rojão. Isso o deixou de uma maneira pouco confortável. Agora de manhã estamos vendo se realmente vai ser nosso técnico com o Boca ou se não vai ser nosso técnico com o Boca. Neste sentido, o clube tem uma coisa boa, uma comissão permanente", completou.
 
No comando do Santos, Ariel Holan disputou 12 partidas, venceu quatro, empatou três e perdeu cinco. Agora, a equipe vai ao mercado para buscar um novo treinador e novos jogadores, já que está liberada para contratar.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!