Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / EITA!

Haaland é surpreendido, e dirigente do Borussia Dortmund revela futuro

Haaland pode deixar o Borussia Dortmund e um dirigente da equipe aurinegra pode ter indicado o futuro do goleador; confira o que Hans-Joachim Watzke disse

Redação Publicado em 30/03/2022, às 16h37

Haaland não deve seguir no Borussia Dortmund na próxima temporada; confira detalhes - GettyImages
Haaland não deve seguir no Borussia Dortmund na próxima temporada; confira detalhes - GettyImages

A novela entre Haaland e Borussia Dortmund deve acabar ao final da temporada. Principal destaque da equipe alemã, o camisa 9 é alvo de clubes como Manchester City, Manchester United, Real Madrid e Barcelona. O assédio em cima do centroavante é grande e os aurinegros acreditam que não vão conseguir segurar o norueguês por muito tempo na Alemanha. 

Em entrevista para "Bild", Hans-Joachim Watzke, CEO do Borussia Dortmund, revelou que se alguns rivais fizerem ofertas por Haaland será difícil segurar o atacante. Recentemente, o clube alemão adotou uma postura firme em relação ao atacante e até chegou a cogitar a sua permanência por mais anos no clube, porém ao que tudo indica isso deve mudar. 

 

Canal - SportBuzz

Ainda seguindo o que Hans-Joachim Watzke falou sobre o futuro de Haaland, caso o Manchester City realmente faça uma oferta pelo atacante, o clube não vai segurar. De acordo com ele, ainda não existe qualquer proposta oficial pelo craque, mas se acontecer o Borussia Dortmund não irá conseguir segurar o seu principal goleador. 

Neste momento não sabemos nada do lado do jogador, nem ninguém nos abordou. No entanto, não temos argumentos financeiros para o segurar se o Manchester City fizer uma proposta", ressaltou. 
Manchester City traça plano para ter Haaland
Manchester City traça plano para ter Haaland (Crédito: GettyImages)

Parece coincidência, mas caso o Borussia Dortmund venda Haaland para o Manchester City ou qualquer outro rival, o clube vai completar um ciclo de quatro anos revelando grande artilheiros. Em 2014, a equipe cedeu Lewandowski para o Bayern de Munique, quatro temporadas depois, em 2018, foi a vez de Aubameyang ir para o Arsenal e, se continuar desta forma, em 2022, o norueguês também vai mudar de ares. 

"Isso já aconteceu algumas vezes: perdemos o Lewandowski para o Bayern, em 2014, e o Aubameyang para o Arsenal, em 2018. Criamos sempre uma nova estrela. Se o Haaland sair, vamos encontrar outro novo talento e desenvolvê-lo até ser uma estrela, que também será bom para a Bundesliga", finalizou.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Erling Braut Haaland (@erling.haaland)

 


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!