Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / VISH!

Após empate contra Cruzeiro, dirigentes do Botafogo vão se reunir para definir futuro de Marcelo Chamusca

Botafogo empatou com o Cruzeiro, mas resultado deixou ambiente ainda complicado para Marcelo Chamusca

Redação Publicado em 10/07/2021, às 21h29 - Atualizado às 21h44

Marcelo Chamusca pode deixar o Botafogo, após empate com Cruzeiro - Vitor Silva/ Botafogo
Marcelo Chamusca pode deixar o Botafogo, após empate com Cruzeiro - Vitor Silva/ Botafogo

O futuro de Marcelo Chamusca segue em cheque no Botafogo. Depois de mais um tropeço na série B do Brasileirão, quando o Glorioso empatou em 3 a 3 com o Cruzeiro, a insatisfação interna cresceu em relação ao trabalho do treinador e seu futuro será discutido neste final de semana. 

De acordo com informações do site "Globo Esporte", a diretoria do Botafogo vai se reunir neste domingo, 11, para tomar uma decisão em relação a continuidade de Marcelo Chamusca no clube. Com o empate diante do Cruzeiro, o treinador completou sua 27 aparição pelo Fogão, mas ainda não conseguiu se firmar no cargo e existe grande insatisfação com o trabalho. 

Os dirigentes do Botafogo optaram por não demitir Chamusca no sábado, 10, pois não querem tirar conclusões precipitadas. A ideia é se reunir com calma neste domingo, 11, e avaliar o trabalho que está sendo realizado por Marcelo no comando do Botafogo. 

A publicação ainda garante que o Glorioso também tem calma para bater o martelo sobre a permanência do profissional, pois a maioria dos cartolas alvinegros não enxergam alternativas no mercado. Além isso, o time vive um período conturbado em suas finanças e, desta forma, não gostaria de gastar dinheiro com nomes de níveis mais altos. 

COMO FOI O JOGO CONTRA O CRUZEIRO?

Neste sábado, 10, o Cruzeiro visitou o Botafogo e as duas equipes fizeram uma partida repleta de gols. Com grandes atuações individuais e coletivas, os dois adversários fizeram jus a expectativa criada em torno do confronto e acabaram fazendo uma partida de seis gols, formando um placar de 3 a 3. 

Apesar do grande jogo feito por ambos os times, o empate não foi de agrado para nenhum dos times, visto a necessidade de vitória de Botafogo e Cruzeiro para encostar no G-4 da série B do Brasileirão. Com o resultado, o Glorioso ficou na décima colocação, enquanto a Raposa permaneceu na décima terceira e com quatro empates consecutivos. 

COMO FOI O JOGO? 

O Botafogo tentou aproveitar as brechas deixadas pelo Cruzeiro na defesa e tentou ser reativo durante todo o jogo. Isso porque, aos sete minutos, a arbitragem flagrou uma penalidade para o time da casa e Chay foi para a cobrança. O atacante bateu com categoria e não deu chances para Fábio, que nada pôde fazer no lance. 

Depois disso, o Cruzeiro dominou a primeira etapa e só não fez gol, pois o Botafogo soube se defender. Frustrado por não conseguir marcar, o time de Mozart voltou com outra postura para a etapa final, que foi intensa e repleta e de gols. 

Aos oito minutos, Bruno José fez grande jogada pela direita e cruzou para a área. Gilvan acabou se atrapalhando e colocou contra a própria meta. Com o 1 a 1 no placar, as duas equipes se viram obrigadas a tentar buscar a vitória e se lançaram para o campo de ataque. 

Em resposta ao gol do Cruzeiro, Chay fez questão de colocar o Botafogo novamente na frente do placar. O meia-atacante aproveitou o bom cruzamento de Daniel Borges e, depois de um desvio de Fábio, foi oportunista para apenas completar para as redes e fazer 2 a 1. 

Seis minutos depois, aos 21, a arbitragem flagrou uma penalidade para o Cruzeiro. Marcelo Moreno foi para a bola e bateu para fazer 2 a 2. O boliviano chutou mal, o goleiro do Glorioso defendeu, porém no rebote ele colocou na rede. 

A reação do Cruzeiro não parou por aí. Três minutos depois, Diego Loureiro fez boa defesa, mas deu rebote. Marcelo Moreno, mais uma vez sendo oportunista, colocou a bola na rede e conseguiu a virada para 3 a 2. 

Quando tudo parecia perdido, o Botafogo conseguiu renascer das cinzas e empatou. O autor do gol não poderia ser diferente e Chay acabou sendo o responsável por deixar tudo igual e marcar um hat-trick no confronto. Em outra cobrança de pênalti, o jogador bateu forte e alto e deu números finais para o jogo. 3 a 3.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!