Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / PARA ONDE VAI?

Coutinho já decidiu sobre futuro, e jornal detalha bastidores; veja!

Depois de voltar da Seleção Brasileira, Coutinho teria decidido o que vai fazer da carreira, principalmente depois de um momento de altos e baixos no Barcelona

Redação Publicado em 16/11/2021, às 11h42

Coutinho, jogador do Barcelona - GettyImages
Coutinho, jogador do Barcelona - GettyImages

De volta ao Barcelona, depois de servir na Seleção Brasileira, Philippe Coutinho já tomou sua decisão sobre o futuro, e quer se firmar novamente na equipe catalã. Segundo informações publicadas nesta terça-feira, 16, pelo jornal espanhol "Sport", o jogador está decidido a não deixar o clube na próxima janela de transferências, em janeiro de 2022.

 

Essa decisão de Coutinho surpreendeu, já que o meia estava sendo alvo constante de críticas da imprensa local por estar longe do futebol apresentado nos tempos em que defendia o Liverpool ou até mesmo no Bayern de Munique, onde viveu uma boa fase da carreira. Por conta disso, uma possível saída já estava sendo ventilada.

Além disso, o jogador ainda é dono de um dos maiores salários do clube espanhol, que está vivendo uma intensa crise financeira, com dívida avaliada em 1,4 bilhão de euros, cerca de R$ 8,7 bilhões, e ainda contando com o teto salarial imposto pela La Liga, que o obriga a adequar os vencimentos, e não contratar mais do que pode.

Apesar disso, a publicação destaca que atualmente, os problemas financeiros saem como um fator positivo a favor de Coutinho. Isso porque se decidir negociar o jogador, o Barcelona vai precisar buscar alguém para repor sua posição no mercado, o que envolveria investir um alto valor de verba que está indisponível neste momento.

Dessa forma, o Barcelona aposta na chegada do ídolo Xavi Hernandez para recuperar o futebol do jogador brasileiro, que inclusive chegou a aparecer como titular nos últimos meses, quando Ronald Koeman ainda comandava a equipe, mas depois da demissão do holandês, Coutinho não estrou mais em campo.

Além disso, o jogador se viu no centro de uma polêmica quando foi acusado pela imprensa local de ter se recusado a entrar em campo no empate por 3 a 3 diante do Celta de Vigo, o que foi um estopim para a torcida pedir sua saída, mas que logo foi veemente rebatido, e negado por Coutinho.

A publicação finaliza apontando que outro fator que pode ser positivo para que o armador volte a ter seu bom futebol com a camisa catalã é o retorno de Daniel Alves. O lateral de 38 anos foi companheiro do meia na Seleção Brasileira, e é avaliado internamente como alguém que pode influenciar positivamente todo o elenco.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!