Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / Corinthians

Corinthians libera jogador em definitivo, mas ainda detém porcentagem!

Em uma janela de transferências crucial para o Corinthians, e afim de recuperar investimentos, o clube paulista liberou um meia para o Independiente del Valle mas ainda mantém uma porcentagem sobre o atleta

Redação Publicado em 28/12/2021, às 15h41

Corinthians libera jogado mas mantém porcentagem - Getty Images
Corinthians libera jogado mas mantém porcentagem - Getty Images

O ano de 2022 deve ser o ano de tudo ou nada do Corinthians, que realizou muitas contratações de peso em 2021 como Willian, Roger Guedes, Renato Augusto e Giuliano, e promete trazer mais nomes para a próxima temporada, como é o caso da tentativa de contratação de Edinson Cavani.

-- Jornal espanhol detalha luta entre Corinthians e Barcelona por Cavani

Buscando renovação, ao mesmo tempo que tenta recuperar alguns investimentos ruins, o Timão liberou em definitivo o meia equatoriano Junior Sornoza para o Independiente del Valle, do Equador. Sornoza já vinha atuando pelo Del Valle, porém apenas por empréstimo, enquanto seu contrato com o Corinthians valia até dezembro de 2022.

Pelo Corinthians, Sornoza jogou somente em 2019, disputando 50 jogos e marcando apenas um gol. De fato um rendimento pífio, por um valor alto. No entanto, segundo a Gazeta Esportiva, o clube paulista ainda detém 50% dos direitos do atleta, visando recuperar o investimento futuramente no caso de uma transferência.

-- Presidente do Corinthians posta mensagem de Natal: "2022 promete"

Aos 27 anos, Sornoza terá vínculo com o Independiente por três anos. A opção de manter a porcentagem veio depois do negócio feito com Richard, para garantir que o valor gasto seja parcialmente recuperado. Isso libera o pagamento de salários e evita o risco de liberar o atleta de graça.

-- Grêmio encaminha contratação de Janderson, do Corinthians

Na época, o Corinthians pagou R$ 11,5 milhões à pedido de Fábio Carille, que na época (2019) comandava o clube. Depois, atuou pela LDU, do Equador, e também pelo Tijuana, do México. Ainda não foi anunciado se o Timão irá abrir mão da porcentagem restante dos direitos do atleta.

 

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!