Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / PARTIU INGLATERRA?

Clubes ingleses acirram disputa pela contratação de atacante do Flamengo

Middlesbrough e Fulham sinalizam ao clube carioca ofertas pela compra em definitivo de Rodrigo Muniz

Redação Publicado em 28/07/2021, às 19h28 - Atualizado às 19h37

Clubes ingleses acirram disputa pela contratação de Rodrigo Muniz - Getty Images
Clubes ingleses acirram disputa pela contratação de Rodrigo Muniz - Getty Images

O futuro de Rodrigo Muniz, atacante cria do Flamengo, parece estar cada vez mais distante da Cidade Maravilhosa e cada vez mais próximo da Terra da Rainha. Isso porque Middlesbrough e Fulham, dois clubes da segunda divisão do futebol inglês, demonstraram interesse na contratação do atleta de apenas 20 anos.

Muniz aproveitou as chances que obteve como titular do Flamengo durante o mês de junho e chamou a atenção do futebol europeu. Porém, após os retornos de Gabigol e Pedro, o jogador acabou perdendo espaço e voltou a ser a terceira opção no ataque do time.

Os ingleses já sinalizaram ao rubro-negro que pretendem realizar a compra em definitivo do jogador, o que agrada a diretoria, que não pretende emprestá-lo. Segundo informação do site ‘UOL’, dirigentes do Middlesbrough já formalizaram uma proposta oficial pelo atacante e se encontraram com Marcos Braz e Bruno Spindel, em Lisboa. Os valores da negociação não foram divulgados.

 

 

Já o Fulham está de olho no jogador a mais tempo e, inclusive, chegou a fazer uma proposta de empréstimo com opção de compra por ele, que foi recusada pela equipe carioca. Agora, a pedido do técnico Marco Silva, é esperado que, nos próximos dias, o clube londrino faça uma proposta na casa dos 8 milhões de euros (R$48 milhões) por 80% dos direitos do atleta, de acordo com informações do jornal "O Dia".

Ambas propostas agradam o Flamengo, que não deve dificultar a saída do jogador. A partir do momento que o atleta e seus representantes decidirem para onde o jovem irá, as negociações devem andar mais rápido. Muniz tem contrato até maio de 2024 e possui multa rescisória de 50 milhões de euros para o mercado internacional.

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!