Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / EITA!

"Homem de confiança" de Diniz explica motivo de trocar Corinthians por Santos e manda recado

Camacho trocou o Corinthians pelo Santos e destacou Fernando Diniz

Redação Publicado em 21/06/2021, às 15h43 - Atualizado às 15h52

Camacho, homem de confiança de Diniz, abre o jogo sobre saída do Corinthians e ida para o Santos - Ivan Storti/Santos FC
Camacho, homem de confiança de Diniz, abre o jogo sobre saída do Corinthians e ida para o Santos - Ivan Storti/Santos FC

Depois de fazer duas partidas pelo Santos e ter boa atuação contra o São Paulo no último domingo, 20, Camacho finalmente foi apresentado no Peixe. Homem de confiança de Fernando Diniz, o volante destacou a relação com o treinador e também explicou o motivo de ter trocado o Corinthians pela equipe da Baixada. 

 

O meio-campista fez questão de destacar a oportunidade que surgiu para ele jogar no Santos a qual classifica como uma das maiores de sua vida. Camacho também colocou Fernando Diniz e o estilo ofensivo do Peixe como determinantes para que ele aceitasse deixar o Corinthians e dechar com o alvinegro praiano. 

"Levo essa oportunidade como a da minha vida. Tenho 31 anos, preciso fazer um grande ano aqui, em um time grande ainda. As coisas acontecem rápido e temos que agarrar com unhas e dentes. Vou fazer meu máximo", afirmou. Ele ainda seguiu e deu maiores detalhes de sua relação com Fernando Diniz, treinador que trabalhou junto no Audax, Guaratinguetá e Athletico-PR. 

"O Santos tem DNA ofensivo, trabalhei algumas vezes com Diniz e sei como quer que a gente jogue. Isso favorece minha característica e mudei com a esperança de fazer ano melhor e jogar melhor do que eu vinha jogando", seguiu. 

Camacho também foi duramente criticado pelos torcedores do Santos, pois alguns acreditava que a chegada do volante ex-Corinthians não seria benéfica ao clube. No entanto, o meio-campista está respondendo bem as críticas e tem sido destaque nas partidas do Peixe. 

"Futebol brasileiro é assim, pressão o tempo inteiro. Cheguei quietinho, sabendo que teria que trabalhar para mostrar serviço e mudar a opinião dos torcedores. Estou fazendo isso e espero continuar. Prefiro ficar na minha, em silêncio, para ajudar o Santos. No futebol é preciso estar bem todos os dias", concluiu.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!