Sportbuzz
Testeira
Mercado da Bola / NEGOCIAÇÃO

Atlético-MG negocia venda de jovem ao Grupo City em ação milionária

Jovem jogador do Atlético-MG deve ser vendido ao Grupo City por 6,5 milhões de euros, em um contrato que ainda inclui bônus conforme meta batida

Redação Publicado em 15/02/2022, às 07h20

Jogadores do Atlético-MG durante o treinamento - Pedro Souza / Atlético / Flickr
Jogadores do Atlético-MG durante o treinamento - Pedro Souza / Atlético / Flickr

A ideia do Atlético-MG é conseguir acumular o máximo possível de dinheiro nos cofres sem ter que fazer loucuras para isso. Assim, a equipe mineira já realizou a venda de Marquinhos para a Hungria em sua primeira cartada, e agora está perto de sacramentar uma negociação com o Grupo City por uma de suas joias.

O nome da vez, segundo a "Rádio 98 FM" é do meia-atacante Savinho, que recebeu uma oferta do Grupo City para ser vendido por 6,5 milhões de euros, cerca de R$ 38,4 milhões. Inclusive, essa operação pode acabar chegando nos 10 milhões de euros, cerca de R$ 59 milhões, com o clube mineiro mantendo o percentual da venda futura do jogador, caso o negócio seja fechado.

 

Canal - SportBuzz

Já de acordo com as informações do site "GE", existe ainda uma cláusula de performances de Savinho a partir das metas estipuladas que devem ser batidas. Elas poderão render mais cifras ao clube brasileiro. Essas metas contam com o número de partidas, participação em ligas internacionais, e convocações para a Seleção Brasileira.

A publicação ainda destaca que dois destinos aparecem como sendo os mais prováveis para Savinho neste momento, sendo o Troyes, que está na 16º posição no Campeonato Francês, e o Lommel SK, que é o sétimo colocado na segunda divisão belga. Apesar disso, nada vai passar de especulações, até porque o Atlético-MG não comenta negociações em andamento.

Savinho, jogador do Atlético-MG que deve ser vendido ao Grupo City
Savinho, jogador do Atlético-MG que deve ser vendido ao Grupo City (Crédito: Pedro Souza / Atlético / Flickr)

 

No entanto, uma reunião do Grupo City está marcada para acontecer nesta terça-feira, 15, no Brasil para falar sobre o assunto, e a tendência é que as três partes sigam para um novo encontro em Belo Horizonte nos próximos dias. A negociação ainda possui etapas para serem discutidas, como os valores que serão pagos ao jogador, como salários, luvas e comissão.

Vale lembrar que o Grupo City é dono de 100% de participação no Manchester City, do Melbourne City, da Austrália, e do Montevideo City Torque. A empresa também conta com porcentagens do New York City, da MLS, Mumbai City, da Índia, Girona, da Espanha, Yokohama Marinos, do Japão, Troyes, da França, Sichuan Jiuniu, da China, Bolivar, da Bolívia e Lommel SK, da Bélgica.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!