Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Lutas / MMA » Boxe

Popó se emociona ao relembrar dificuldades que passou no início da carreira

20 anos após a conquista do primeiro titulo mundial, o boxeador conta sobre a infância difícil

SportBuzz DIGITAL Publicado em 12/08/2019, às 18h11

None
Instagram

Em entrevista televisionada no último domingo, 11, pelo Esporte Espetacular, da TV Globo, Popó falou sobre as dificuldades que passou durante toda a infância e no início da carreira. Antes de gravar o seu nome na história do esporte brasileiro, o boxeador viveu em uma casa de apenas um cômodo com mais quatro pessoas, passou fome e vivenciou de perto a violência doméstica que sua mãe sofria.

Chorando, o lutador desabafou sobre o começo da sua trajetória. "Quem me viu no ringue, rindo e brincando, não tem ideia do sofrimento que era a gente não ter nada para comer em casa. Meu pai bebia muito, machucava muito a minha mãe. A gente presenciava tudo aquilo dentro de casa", revelou ele diante das câmeras.

Em 07 de agosto de 1999, na França, Acelino "Popó" de Freitas conquistou o seu primeiro titulo mundial e trouxe para o Brasil o cinturão de peso super-pena, após um jejum de 24 anos desde a última conquista do país. Para ele, o triunfo diante do russo Anatoly Alexandrov, era sua loteria. Após a luta, o atleta virou a chave de sua vida, driblou a fome e a pobreza e mudou o destino de toda a família.

Aos 43 anos e caçula da família Freitas, o atleta tem como grande admiração e exemplo a sua mãe, que diz ser a pessoa "que segurava a onda". Apesar da dependência do pai com o álcool, o boxeador dedica sua carreira a ele. Quando era mais novo, foi o pai que insistiu para que o jovem garoto ingressasse no boxe, contrariando dona Zuleica, a mãe.

Depois da conquista do mundial, o lutador conseguiu comprar uma casa para a família e ainda dormia no chão porque o dinheiro não foi o suficiente para os móveis. Aos poucos, as muitas conquistas nacionais e internacionais vieram e garantiriam uma vida melhor para seus irmãos e seus futuros filhos.

Nos fundos da casa de 10 m² foi onde o talento pelo boxe surgiu. Incentivado pelo irmão Luis Carlos, Popó aprendeu a modalidade. Com luvas improvisadas e o saco de areia desgastado, o jovem talento deu os seus primeiros golpes. Apesar de todos os obstáculos, revela que viveria tudo novamente.

Popó é o maior nome do boxe nacional.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!