Sportbuzz
Testeira
Lutas / MMA / UFC

Francis Ngannou revela exigência para seguir no UFC; confira

Prestes a encerrar seu contrato com o UFC, o camaronês Francis Ngannou, campeão linear dos pesados, quer competir no boxe antes de aposentadoria

Redação Publicado em 05/01/2022, às 18h09

Francis Ngannou revela exigência para seguir no UFC confira - GettyImages
Francis Ngannou revela exigência para seguir no UFC confira - GettyImages

A novela entre Francis Ngannou e UFC parece estar longe do fim. O campeão linear peso-pesado pode estar perto de encerrar sua passagem pela categoria, mas garantiu que quer permanecer no Ultimate mesmo em caso de derrota para o campeão interino Ciryl Gané, no próximo dia 22 de janeiro, pelo UFC 270.

Em entrevista ao site “TMZ”, Ngannou afirmou que fez uma exigência para seguir na companhia. O camaronês revelou que pediu que permissão para lutar boxe no novo vínculo com o Ultimate. Segundo ele, o esporte sempre esteve em seu futuro e que se aventurar na modalidade é algo certo para a carreira antes da aposentadoria.

Canal SportBuzz:

“Sempre esteve no meu futuro. É algo de que não tirarei meus olhos. Isto vai acontecer de qualquer forma, mesmo se eu ficar. Mesmo se ou quando o UFC e eu finalmente finalizarmos um acordo, a parte do boxe tem que estar nele, porque não me vejo me aposentando sem lutar boxe”, disse o atual campeão linear do peso-pesado.

“Todos eles - Tyson Fury, Deontay Wilder - gostaria de me testar contra seu nível. Não é o mesmo esporte, mas eu sou o campeão, então estou no topo desta divisão, e no fim das contas, o que importa é jogar mãos, jogar socos, ter um bom sistema de golpes para jogar essas bombas. E tenho certeza que se eu jogar meus próprios socos bem, posso causar estrago (neles)”, declarou o camaronês.

Francis Ngannou revela exigência para seguir no UFC (Crédito: GettyImages)

 

Francis Ngannou encara Ciryl Gané no dia 22 de janeiro, em Anaheim, nos Estados Unidos, pelo UFC 270. A luta será a última do atual campeão linear em seu contrato com o Ultimate. A direção da companhia tem histórico de barrar pedidos para lutas em duas modalidades. Conor McGregor foi o único a conseguir disputar uma luta de boxe, em 2017, contra Floyd Mayweather Jr.


 

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!