Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Lutas / MMA » EXCLUSIVO!

Ex-campeão Peso Médio do Bellator, Rafael Carvalho relembra título e dificuldade no início da carreira

Com 34 anos de idade, o lutador não estipula meta para se aposentar e segue na luta pelo cinturão

Redação Publicado em 06/11/2020, às 17h09 - Atualizado às 18h56

Rafael Carvalho em ação
Rafael Carvalho em ação - Instagram

Um dos principais nomes do Bellator, Rafael Carvalho concedeu uma live ao SportBuzz na última quinta-feira, 5, e falou sobre diversos assuntos com o site. O ex-campeão Peso-Médio da categoria, revelou alguns detalhes de sua carreira, antes de fazer sucesso nos octógonos. 

Nascido na cidade do Rio de Janeiro, o experiente lutador de 34 anos de idade teve seu primeiro contato com as artes marciais através de um projeto social, em uma comunidade da cidade maravilhosa. Desde então, ele se apaixonou por luta e seguiu firme sua carreira. 

"Tive esse primeiro contato com as artes marciais na comunidade Chapéu da Mangueira, por meio do projeto Luta Cidadã, que meu irmão toca até hoje. Foi através do Jiu-Jitsu que eu tomei gosto pela luta e foi ali que me deu um empurrão para seguir até hoje", disse. 

Até seus 24 anos, Rafael ainda não sabia se iria continuar na luta como profissional ou se desistiria da carreira. O atleta acabou optando por seguir na disputa por uma vida como lutador de primeira linha e não demorou muito para o primeiro título sair. 

Mas para que isso ocorresse, era necessário deixar de lado sua cidade natal e se mudar para Curitiba. Por lá, ele se aprimorou nas artes marciais e teve a oportunidade de disputar uma de suas primeiras competições, o Smash Fight

"Eu havia feito uma luta no Rio de Janeiro e meu antigo treinador me observou. Ele veio falar comigo e perguntou se eu gostaria de ser um lutador profissional. Foi a partir dessa conversa que as portas se abriram em Curitiba e pude tocar minha vida por lá", afirmou.  

Foi nesse torneio que Rafael Carvalho entrou de vez para o mundo das artes marciais. Após algumas lutas complicadas, ele conseguiu chegar até a decisão e levar o troféu para casa. O campeão contou alguns detalhes de quão especial foi esse título para a sua carreira. 

"O Smash Fight consolidou a minha carreira no cenário nacional e abriu as portas para mim aqui nos Estados Unidos. Com esse título você acaba chamando a atenção de alguns eventos internacionais importantes e foi assim que consegui ir para o Bellator", explicou. 

Por falar em Bellator, Rafael deu maiores detalhes para a reportagem sobre como foi o processo para entrar no evento e também sua reação ao saber que faria parte da categoria. Segundo ele, foi uma notícia inesperada e que só foi saber quando estava tudo certo entre as partes. 

"Aconteceu meio que de surpresa. Eu estava voltando do treino e meu treinador me ligou falando que o Bellator queria me contratar. Eu não esperava, até porque tinha um amigo meu na minha frente e ele estava mais cotado para ir. Tanto é que ele foi e acabou não conseguindo se firmar no evento. Logo depois, eles quiseram me contratar e eu fiquei muito feliz. Foi uma felicidade enorme", contou. 

Depois de todo esse processo recheado de surpresas e também de muito trabalho, Rafael Carvalho finalmente conseguiu sua vaga no Bellator. As coisas foram bem rápidas para ele na organização, o brasileiro estreou em 2014 no Bellator 125 e logo em seguida, no Bellator 144, já estava disputando o cinturão da categoria. 

O lutador revelou ao SportBuzz mais alguns detalhes sobre todas essas novidades em seu início de carreira no evento. Vale lembrar que ele engatou uma sequência de vitórias importantes e se credenciou a lutar pelo título dos Pesos Médios do Bellator. 

"Foi um salto enorme. Quando eu fiz a minha estreia (no Bellator), eu não parava de olhar para o telão e para a torcida, eu estava impressionado e a ficha só foi cair quando eu vi o cara indo para cima de mim", afirmou. 

Ele ainda seguiu contando mais alguns detalhes da luta pelo cinturão: "Eu não esperava, era recém chegado ao evento e, se credenciar a uma decisão dessa, foi um choque para mim. Aconteceu tudo muito rápido, mas graças a Deus eu consegui vencer, passei um perrengue para bater o adversário, porém coloquei meu trabalho em prática e liquidei a fatura no segundo round". 

Rafael ficou com o cinturão dos Pesos Médios até o Bellator 200, quando acabou derrotado. Apesar do lutador estar com 34 anos, ele ainda possui o sonho de reconquistar o primeiro lugar de sua categoria no evento e deixa o assunto aposentadoria para trás.

"A gente vai se preparando para quando chegar o dia. Eu ainda não tenho um prazo para isso e, enquanto eu estiver feliz, vou seguindo. Acho que temos que terminar, mas de uma maneira feliz e olhar para trás e ver que conquistou muitas coisas boas", revelou. 

O ex-campeão do Bellator ainda brincou: "Eu estipulo que vou lutar até os 50 anos. Enquanto eu tiver vontade e meus braços estiverem levantando, eu vou dar muito cascudo nos novinhos que estão começando a lutar".


5 itens essenciais para quem pratica esportes de luta

1- Kit Training - https://amzn.to/2qKYtVH

2- Kimono Jiu Jitsu Unissex - https://amzn.to/2NjtZlo

3- Saco de Pancada Profissional - https://amzn.to/2oiEMDP

4- Kit Boxe Muay Thai - https://amzn.to/2MPVl3z

5- Aparador de soco - https://amzn.to/2pdn05j

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

  

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!