Sportbuzz
Testeira
Lutas / MMA / QUE HISTÓRIA!

Campeão do UFC, Glover Teixeira desabafa e brinca sobre cinturão: "Só sinto o peso"

Aos 42 anos, Glover Teixeira fez história e se tornou campeão do UFC

Redação Publicado em 31/10/2021, às 15h26

Glover Teixeira fez história e se tornou campeão do UFC - GettyImages
Glover Teixeira fez história e se tornou campeão do UFC - GettyImages

No início da noite do último sábado, 30, o UFC 267 entrou para a história ao coroar Glover Teixeira como campeão da categoria peso meio-pesado. Diante de Jan Blachowicz, o lutador brasileiro viveu momento inesquecível ao vestir o cinturão com 42 anos de idade.

Após muitas lutas disputadas e derrotas doídas, Glover Teixeira finalmente chegou ao ápice da carreira. No UFC 267, o lutador contrariou todas as expectativas e finalizou Jan Blachowicz para ficar com o título da organização americana.

Já com o cinturão em mãos e em momento mais tranquilo, Glover Teixeira abriu o coração sobre a conquista histórica no UFC. Em entrevista ao site "Combate", o lutador desabafou ao relembrar sua trajetória e falou da felicidade por estar vivendo tamanho momento.

"Não tenho palavras pra descrever a minha felicidade. Tentando acalmar, mas é a meditação, pensar na positividade da vida, na espiritualidade das coisas e sempre acreditar no positivo. Sugar as coisas positivas. E treinar pra c***, que foi o que fiz, treino muito, sou bom pra caramba e está provado que o meu jiu-jítsu é o melhor do mundo. Eu tenho que olhar aqui (o cinturão)", iniciou Glover Teixeira.

Vou deixar alguém segurar pra ficar olhando, em mim só estou sentindo o peso (risos). Mas é bom demais, um sonho de 20 anos de quando vi a primeira fita do Royce Gracie. Falei: "Vou treinar pra ser campeão mundial". Entrei na academia pra ser campeão do UFC, foram 20 anos de batalha, tivemos altos e baixos e agora é isso aí", completou o campeão.

LUTA!

Na 'Ilha da Luta', em Abu Dhabi, Glover Teixeira entrou no octógono para encerrar o evento. Contra o polonês Jan Blachowicz, o brasileiro logo adotou seu ritmo e levou o combate para o chão. No entanto, a estratégia não deu tão certo no primeiro round.

Após se defender bem, Jan Blachowicz voltou para o segundo round com a intenção de não ser derrubado. Contudo, Glover Teixeira se mostrou muito ágil e logo colocou a luta no solo mais uma vez depois de balançar o rival com uma esquerda.

Assim, Glover Teixeira aproveitou o momento instável de Jan Blachowicz, transitou para as costas do ex-campeão e aplicou o estrangulamento para ficar com o título do UFC. Que história! Parabéns, campeão!


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!