Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » CAMPEONATO INGLÊS!

Willian faz importante partida pelo Chelsea, mas não impede a vitória do West Ham por 3 a 2 na Premier League

Hammers conseguiram respirar por mais uma rodada já que os adversários que estava lutando na zona de rebaixamento perderam

Izabella Macedo Publicado em 01/07/2020, às 18h08

Willian faz importante partida pelo Chelsea, mas não impede a vitória do West Ham por 3 a 2 na Premier League
Willian faz importante partida pelo Chelsea, mas não impede a vitória do West Ham por 3 a 2 na Premier League - GettyImages

Nesta quarta-feira, 1, o clássico londrino entre West Ham e Chelsea aconteceu pela 32ª rodada da Premier League no estádio Olímpico de Londres.

+ Assista os jogos da Premier League ao vivo pelo DAZN

Enquanto o Chelsea lutou pela vitória para garantir a classificação para a Champions League, o West Ham deu um importante passo na luta contra o rebaixamento, com três derrotas nos três últimos jogos, a equipe inicou a partida ocupando a 17ª posição. 

Na última rodada, o West Ham perdeu por 2 a 0 para o Tottenham fora de casa. Com a vitória, a equipe do treinador David Moyes permanece fora de perigo, mas somente porque seus adversários que estão no Z4 perderam suas partidas.

A primeira etapa teve amplo domínio do Chelsea. Aos 4 minutos, Willian cobrou escanteio pela esquerda, Diop afastou e no rebote Marcos Alonso finalizou para a defesa de Fabianski.

O brasileiro, inclusive, participou ativamente dos minutos iniciais e levou perigo depois de avançar pela esquerda, invadir a área e finalizar forte, mas Fabianski fez a defesa.

Mesmo com a equipe comandada por Frank Lampard ficando mais tempo no ataque do adversário, o West Ham também conseguiu se impor e chegar bem no ataque. Antonio foi bem ao arrancar pela direita, invadir a área e finalizar cruzado, mas a bola passou perigosamente à direita do gol.

Kanté resolveu aumentar a posse de bola do Chelsea e conseguiu boa chance depois de tocar para Barkley pela direita na entrada da área que finalizou, mas Fabianski faz a defesa.

Quase que imediatamente, Azpilicueta avançou pela direita e tocou para Pulisic na entrada da área, que finalizou colocado, mas a bola saiu perigosamente à esquerda do gol, foi o momento que o Chelsea chegou mais perto de abrir o placar.

Assim como todos os jogos que acontecem depois da quarentena, a partida foi para a parada técnica e ao que parece, deu um gás a mais para os jogadores de ambos os lados, que voltaram inspirados em abrir o placar.

A melhor chance foi com o West Ham aos 34 minutos depois que Bowen cobrou escanteio pela direita na primeira trave, DIop escorou, Antonio caído amorteceu a bola que sobrou para Soucek empurrar para o fundo da rede.

Mesmo que o gol tenha trago um breve alívio para os jogadores do West Ham, o VAR entrou em ação minutos depois e o lance foi revisado com relação a um possível impedimento de Antonio.

Dois minutos depois de analisar as imagens do árbitro de vídeo, o árbitro anulou o gol após o VAR considerar a posição de Antonio como irregular. 

Os Hammers foram da alegria a preocupação em questão de minutos. Aos 37 da primeira etapa, o árbitro Martin Atkinson marcou pênalti para o Chelsea depois que Pulisic avançou pela esquerda, invadiu a área, cortou para o meio e foi derrubado por Diop.

Willian cobrou a penalidade no canto direito, Fabianski caiu no lado oposto e nem viu a bola passando para abrir o placar no estádio Olímpico de Londres.

Já nos acréscimos, o West Ham conseguiu encontrar um gol bem no finalzinho do primeiro tempo e desta vez foi muito bem validado.

Após cobrança de escanteio de Bowen pela direita, na segunda trave Soucek subiu mais que Azpilicueta e empurrou a bola para o fundo das redes e levou o empate para o intervalo.

A volta do intervalo começou tão agitada quanto o término do primeiro tempo. Aos seis minutos de jogo, Antonio desempatou o placar depois que Fornals abriu o jogo para Bowen pela direita dentro da área que cruzou, no meio da área para Antonio completar para o fundo das redes.

O gol tranquilizou o time, que com a vitória parcial conseguiu se manter longe da zona de rebaixamento em sua pior campanha na competição desde o ano passado. Para se ter uma ideia, nesta mesma rodada em 2019, o West Ham estava tranquilo ocupando a décima posição.

Quando parecia que o jogo tinha esfriado, Willian empatou a partida com seu 100° gol em jogos internacionais. O brasileiro cobrou falta pela esquerda na entrada da área com maestria, a bola bateu na trave esquerda e estufou as redes.

Marcos Alonso tentou ampliar o placar para o Chelsea depois de cruzar pela esquerda, na primeira trave sem marcação e ver Giroud tentando finalizar, mas o jogador errou a bola.

Contrariando todas as espectativas, o West Ham marcou mais um para ficar de vez fora da zona de rebaixamento. Antonio puxou o contra-ataque que lançou Yamorlenko pela direita que invadiu a área e finalizou no canto direito de Kepa.

O próximo compromisso do Chelsea é contra o Watfor no próximo sábado, 4, ás 16h. Já o West Ham encara o Newcastle no próximo domingo, 5, às 10h15.


5 itens de times internacionais que todo amante do futebol vai querer ter

1- Camisa Juventus 1985 Retrô - https://amzn.to/2JeQQgo

2- Caneca Scandinavia Real Madrid - https://amzn.to/2oh7iWs

3- Porta Tênis c/ 2 divisões Manchester City - https://amzn.to/32GlAin

4- Funko Pop! Paris Saint-Germain Kylian Mbappé - https://amzn.to/2pJkLGO

5- Bola Bolsa Esportiva Barcelona - https://amzn.to/2MGSGsQ

Vale lembrar que os preços e a quantidade disponível dos produtos condizem com os da data da publicação deste post. Além disso, o SportBuzz pode ganhar uma parcela das vendas ou outro tipo de compensação pelos links nesta página.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!