Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » VIRADAS HISTÓRICAS!

Relembre viradas históricas em clássicos entre Grêmio e Internacional

Com a ótima vitória tricolor sobre os colorados no primeiro jogo da final do Gauchão, separamos seis viradas marcantes na história do clássico

Lucas Cesare Publicado em 22/05/2021, às 08h00

Confusão no clássico entre Internacional e Grêmio pela Libertadores 2020
Confusão no clássico entre Internacional e Grêmio pela Libertadores 2020 - Getty Images

O Grêmio levou a melhor e construiu boa vantagem ao vencer o rival, por 2 a 1, de virada, em pleno Beira-Rio. Agora, no jogo da volta na Arena do Grêmio, os tricolores precisam apenas administrar o placar para levantar mais um título estadual, que seria o quarto consecutivo.

No primeiro jogo, Thiago Galhardo abriu o placar para os Colorados, aos 27 minutos da primeira etapa, após Edenílson deixa-lo na cara do gol, sem goleiro. Porém, aos 13 do segundo tempo, em um cabeceio, Diego Souza deixou tudo igual e, aos 43, Ricardinho também de cabeça, virou o jogo para os tricolores. O Grêmio não vencia o Inter de virada desde 2011.

Agora, o Inter precisa de uma vitória, na casa do adversário, se quiser acabar com o jejum do título, que não vence desde 2016. Um simples 1 a 0 deixa tudo igual no placar agregado e levaria o jogo para as penalidades, portanto, a equipe precisa vencer, pelo menos, dois gols de diferença se quiser se sagrar campeã nos 90 minutos.

Por isso, a fim de relembrar momentos eletrizantes do maior clássico do Rio Grande do Sul, separamos uma coletânea com cinco viradas marcantes em clássicos Grenais; confira:

Grenal do século (1988)

Um dos jogos mais importantes da história do clássico, o “Grenal do século”, como ficou conhecido, colocou as duas equipes frente a frente pela semifinal do Campeonato Brasileiro de 1988, com ambas equipes buscando uma vaga na final.

No jogo de ida, houve um empate sem gols no Estádio Olímpico (casa do Grêmio). A partida decisiva no Beira-Rio terminou com vitória colorada por 2 a 1. Marcus Vinicius abriu o placar para os visitantes, mas Nilson garantiu a virada, marcando dois gols, levando o Internacional à final do Brasileirão e assegurando vaga para a Libertadores do ano seguinte.

Grenal dos 100 anos (2009)

Válido pelo Brasileirão de 2009, o clássico comemorava o centenário da disputa do primeiro confronto entre as duas equipes. Dentro de campo, o Internacional abriu o marcador com um gol de Nilmar, aos 24 minutos do primeiro tempo, após uma jogada de contra-ataque originada de uma falha de Souza.

O Grêmio não demorou a responder e empatou a partida, com um gol de falta do mesmo Souza, aos 35 minutos. Mais tarde, aos 25 da segunda etapa, Maxi López cabeceou e colocou o Tricolor em vantagem. Ao final, o tricolor sustentou o resultado e venceu o Grenal do centenário.

Final do Gauchão de 2011

A final do estadual de 2011 foi marcada por duas viradas pelo mesmo placar (3 a 2).

No primeiro confronto, no Beira-Rio, vitória gremista. Andrezinho abriu o placar para o Internacional logo aos oito minutos de jogo. Júnior Viçosa e Weverson Leandro viraram para o imortal. Aos 36 da segunda etapa, Leandro Damião deixou tudo igual novamente, mas aos 42, Viçosa marcou o segundo dele no jogo e garantiu o triunfo tricolor.

No jogo da volta, no Estádio Olímpico, a história se repetiu. O time da casa abriu o placar aos 15 minutos, com Lúcio. Ao decorrer da partida, Leandro Damião, Andrezinho e D’Alessandro viraram o jogo e iam garantindo o título ao colorado, mas Borges fez o segundo do Grêmio, aos 35 do segundo tempo, para deixar tudo igual no placar agregado, 5 a 5.

Nas penalidades, o Inter levou a melhor convertendo cinco cobranças contra quatro do Grêmio e se sagrou campeão gaúcho daquele ano.

Mais recente - 32ª rodada do Brasileirão (2020)

A última virada em um clássico Grenal aconteceu na 32ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2020. Na ocasião, o Inter ainda era líder do campeonato e recebia o maior rival, no Beira-Rio, buscando se manter na ponta da tabela. Jean Pyerre abriu o placar para o adversário, mas Abel Hernández e Edenílson, de pênalti, viraram o jogo, para a festa da torcida colorada.

Jogadores do Internacional comemorando o gol de empate de Abel Hernández (Crédito: GettyImages)

 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!