Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Futebol » DECISÃO!

Vice-presidente do Botafogo entrega detalhes sobre novo técnico: “Sem loucuras”

Atual mandatário do clube disse que é necessário levar em consideração a realidade financeira

Pedro Ungheria Publicado em 07/10/2019, às 08h46

Após demissão de Eduardo Barroca, Botafogo segue procurando um novo comandante
Após demissão de Eduardo Barroca, Botafogo segue procurando um novo comandante - GettyImages

Após a derrota por 1x0 contra o Fluminense no último domingo, 6, Eduardo Barroca não cedeu a pressão e acabou sendo mandado embora do Botafogo. Logo, milhares de nomes passaram a circular nos holofotes das mídias como possíveis reforços para o clube carioca.

A fim de esclarecer os rumores, em entrevista coletiva no Engenhão, Gustavo Noronha entregou detalhes da filosofia de trabalho que o time adotará neste momento, em que busca uma colocação melhor no Campeonato Brasileiro.

“Sabemos como Anderson (Barros, diretor de futebol) pensa e a filosofia do Botafogo. Temos limitação orçamentária. Botafogo tem que viver com a sua realidade orçamentária. Claro que vai se fizer um esforço, o Botafogo precisa encontrar um caminho. Mas sem fazer loucuras”, pontuou o vice-presidente.

Deixando de lado qualquer tipo de polêmica, o dirigente ainda enalteceu o trabalho de Eduardo Barroca e reforçou o respeito que tem pelo profissional. Neste instante, ainda deixou claro que toda a diretoria deixará de lado escolhas pessoais na hora da decisão e priorizará um “um profissional adequado com a nossa forma de jogar".

A fim de justificar sua fala, em relação a contratação com menor impacto financeiro, Gustavo disse que a proposta é tornar o Botafogo um clube gerenciável, por isso, é necessário pensar sempre nas consequências que os gastos trariam.

“As últimas gestões vêm sim transformando o Botafogo em um clube gerenciável. Se nós não fizéssemos essa trajetória, o Botafogo não seria atrativo e não daria esse passo. Não poderíamos contratar um treinador de R$ 1 milhão por mês. Investidores olhariam para cá e não entenderiam”, reforçou o profissional.

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!