Sportbuzz
Facebook SportbuzzTwitter SportbuzzYoutube SportbuzzInstagram SportbuzzTelegram Sportbuzz
Testeira
Futebol » EITA!

Vasco negocia dívida envolvendo atacante do Atlético-MG com Volta Redonda

Marrony, do Atlético-MG, foi vendido pelo Vasco e o cruzmaltino não honrou os compromissos com o Volta Redonda

Redação Publicado em 30/04/2021, às 14h15 - Atualizado às 15h14

Envolvendo atacante do Atlético-MG, Vasco precisa pagar direitos federativos para Volta Redonda
Envolvendo atacante do Atlético-MG, Vasco precisa pagar direitos federativos para Volta Redonda - Bruno Cantini / Agência Galo / Atlético / Fotos Públicas

Na temporada passada, o Vascoaceitou uma oferta do Atlético-MG por Marronye cedeu o atacante por cerca de R$20 milhões. Porém, a venda milionária para o Galo acabou se tornando uma dívida para o Cruzmaltino com o Volta Redonda, por conta dos 30% da taxa de vitrine.

 

De acordo com informações da "ESPN Brasil", os cariocas precisavam repassar para o Voltaço uma quantia de R$6 milhões, que é referente a porcentagem dos seus direitos econômicos. No entanto, o Vasco acabou não conseguindo pagar esse valor num primeiro momento e negociou para pagar a dívida em algumas parcelas. 

Logo quando a negociação foi concretizada, o Cruzmaltino deu cerca de R$ 1 milhão para o Volta Redonda e firmou um acordo com a equipe. Depois de muitos atrasos vascaínos, o Volta aceitou diminuir a quantia para um valor de R$4,6 milhões que seriam pagos em duas parcelas. 

A primeira teria que ser debitada em em janeiro de 2021 e era de R$1 milhão, enquanto a segunda teria de ser paga em julho do mesmo ano no valor de R$2,6 milhões. Mas o Vasco acabou não cumprindo com o pagamento e atrasou mais uma vez o parcelamento. 

Dessa maneira, em acordo feito anteriormente, a quantia voltaria ao valor de R$6 milhões e Cruzmaltino teria de pagar os R$5 milhões que faltam para o Volta Redonda e quitar a dívida. Porém, Jorge Salgado deve assumir o comando dessa negociação e o presidente tentará reverter a situação complicada. 

Vale ressaltar, que o Voltaço não entrou com uma ação na Fifa e, dessa forma, as conversas ficam um poucos mais fáceis para o lado vascaíno. A equipe carioca vive um momento financeiro conturbado e, dentro de campo, ainda busca seu melhor rendimento para conseguir o acesso à série A do Campeonato Brasileiro.


 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!