Sportbuzz
Testeira
Futebol / COLETIVA!

Vasco: Fernando Diniz abre o jogo sobre novo 'mal-entendido' com Nenê

Nenê vem se destacando sob o comando de Fernando Diniz no Vasco

Redação Publicado em 25/09/2021, às 20h10

Nenê vem se destacando sob o comando de Fernando Diniz no Vasco - GettyImages
Nenê vem se destacando sob o comando de Fernando Diniz no Vasco - GettyImages

Na noite da última sexta-feira, 24, Brusque e Vasco se enfrentaram na disputa da 26ª rodada do Brasileirão da Série B. Em momento ruim, a equipe de Fernando Diniz e Nenê teve que superar a péssima arbitragem para buscar a vitória.

Mesmo assim, o Vasco contou com o talento de Nenê para se recuperar na competição e vencer o Brusque por 1 a 0. Agora, a equipe carioca está na sétima posição ao somar 37 pontos na tabela do Brasileirão da Série B.

 

Apesar do gol marcado, Nenê esteve envolvido em mais um 'mal-entendido' com Fernando Diniz. Na última rodada da Série B, o técnico do Vasco tirou o meio-campista do jogo contra o Cruzeiro de maneira equivocada, já que o jogador não pediu substituição.

Após o mal-entendido, Fernando Diniz explicou a situação. No entanto, o episódio quase se repetiu contra o Brusque. Desta vez, o técnico do Vasco conseguiu perceber que Nenê tinha condições para continuar no jogo.

Achei que ele estava puxando cãibra, mas ele falou que não estava. Eu ia tirá-lo, mas não queria, assim como no jogo contra o Cruzeiro. Ele compensa o cansaço com qualidade técnica e experiência. É muito experiente para compor o esquema defensivo", explicou Fernando Diniz.

Questionado sobre a relação com Nenê no dia a dia do Vasco, Fernando Diniz fez questão de rasgar elogios ao jogador. Segundo ele, o meio-campista demonstra muita paixão pelo clube e pelo universo do futebol.

"Minha relação com ele vem de um tempo atrás. Joguei contra quando ele estava no Paulista e eu estava no Fluminense. Temos amigos em comum. Sempre admirei demais o futebol do Nenê. Na primeira chance que tive para trabalhar comigo, eu levei para o Fluminense. Assim que cheguei no Vasco, teve essa possibilidade", elogiou o técnico do Vasco.

"Ele é um exemplo pela paixão no futebol. Acrescenta muito, tem gosto de jogar. Tem dinheiro envolvido, futebol tem dessas coisas, mas o Nenê é um apaixonado, assim como eu. Formamos uma dupla interessante. Ele tem essa paixão pela bola, contagia os companheiros, os torcedores e tem muito a nos ajudar nessa tarefa que temos a cumprir", completou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!