Sportbuzz
Testeira
Futebol / JEJUM!

Vasco: Cano quebra o silêncio sobre jejum de gols, saída de Lisca e renovação

Cano é o principal jogador do Vasco, mas não marca há 10 jogos e ainda viu Lisca sair do clube

Redação Publicado em 10/09/2021, às 13h29 - Atualizado às 13h49

Cano comentou em relação a saída de Lisca do Vasco - Rafael Ribeiro/Vasco
Cano comentou em relação a saída de Lisca do Vasco - Rafael Ribeiro/Vasco

A fase do Vasco não é das melhores. O time viveu uma semana decisiva, onde perdeu para o Avaí, viu Cano prolongar seu jejum de gols para 10 partida e ainda por cima completou o período conturbado com a demissão de Lisca. Nesta sexta-feira, 10, o artilheiro do Cruzmaltino concedeu entrevista coletiva e comentou o seu momento e o do clube. 

 

Começando pela falta de gols, Germán Cano se disse tranquilo em relação aos dez jogos sem balançar as redes. De acordo com o centroavante, ele já viveu fases conturbadas como a que está passando agora, mas garantiu a realização de um forte trabalhou para recuperar o seu bom futebol. 

"Já passei várias vezes na minha carreira. Levo isso como algo natural, sei que vai passar rapidamente. Estou trabalhando ainda mais para me fortalecer e criar mais oportunidades. Sei que no próximo jogo vai mudar. Acredito em tudo que se faz dentro do campo. Os resultados da minha carreira estão aí", afirmou o atacante. 

Germán Cano ainda seguiu comentando sobre sua atual fase: "Faço as coisas da melhor maneira para que aconteça dentro do campo. Às vezes não acontecem, mas acredito no que eu posso fazer. Estamos num momento complicado, mas rapidamente vamos sair para dar vitórias ao time. Estamos trabalhando muito. Quando você está mal, você tem que trabalhar o dobro. Isso está acontecendo dentro do Vasco".

Além disso, o centroavante também foi questionado sobre Lisca. Cano deixou claro que não houve uma sinergia entre o ex-treinador e o restante do clube, mas garantiu que todos o respeitavam. O jogador ainda relembrou que não existiu uma regularidade durante o período de 12 jogos do técnico no clube carioca. 

"Não conectamos bem com o professor Lisca. Implantou uma ideia de jogo que muitas vezes dentro de campo não aconteceu da maneira que ele queria. Em outras vezes aconteceu, mas isso é algo que ocorre no futebol. O jogador está sempre predisposto para fazer o melhor em campo. Às vezes ela não acontecem", explicou. 

Cano ainda aproveitou para se colocar à disposição de Fernando Diniz: "Espero dar o melhor com esse novo treinador, como sempre fiz desde que cheguei ao Vasco. Sei que estou há 10 jogos sem fazer gol, mas estou tranquilo. Confio nas minhas capacidades, estou trabalhando, sou profissional e sempre busco melhorar".

GERMÁN CANO VAI FICAR NO VASCO?

Outro assunto de extrema importância e que foi abordado por Cano no Vasco foi a sua permanência no clube para a próxima temporada. Com contrato apenas até o final de 2021, o artilheiro optou por não criar expectativas nos torcedores e focou em colocar o Cruzmaltino na elite do futebol nacional. 

"Minha cabeça está 100% nesse momento, pensando no acesso do Vasco. Não estou pensando em outra coisa, no que vai acontecer no próximo ano. Não sei, sinceramente não sei. O que eu sei é que quero subir para a Primeira Divisão com o Vasco, é isso que passa na minha cabeça no momento", contou. 

"Quero subir com o Vasco, estou trabalhando muito. Nesse momento não estou bem, estou passando por um jejum. Penso em trabalhar e fazer o melhor dentro do campo, e que o Vasco esteja na Primeira Divisão. Aí sentaremos para falar com o Pássaro. Hoje estou 100% pensando no acesso e no próximo jogo", finalizou.


Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!