Sportbuzz
Testeira
Futebol / FIM DE PAPO!

Uefa anuncia que nove, dos doze clubes fundadores da Superliga, desistiram oficialmente do projeto!

Superliga havia sido fundada por doze clubes europeus, mas questionada pela Uefa

Redação Publicado em 07/05/2021, às 13h55

Uefa anuncia que nove dos doze clubes fundadores da Superliga desistiram do projeto - GettyImages
Uefa anuncia que nove dos doze clubes fundadores da Superliga desistiram do projeto - GettyImages
Pelo que parece, a ideia da Superliga europeia realmente foi por água abaixo. Nesta sexta-feira, 7, a Uefa anunciou que nove dos 12 clubes fundadores da competição desistiram oficialmente de levar o projeto a diante no futuro.
 
 
De acordo com a entidade, os clubes são: Arsenal, Chelsea, Manchester City, Manchester United, Tottenham, Liverpool, Milan, Atlético de Madrid e Inter de Milão. Os outros três, Barcelona, Real Madrid e Juventus, estão sujeitos a punições caso não desistam formalmente do projeto, anunciou a Uefa no mesmo comunicado.
 
 
No comunicado, que foi enviado à imprensa, a Uefa diz que a renúncia à Superliga permitiu a aprovação de medidas de reintegração dos nove clubes ao organismo máximo do futebol europeu.
 
Mesmo nenhum deles tenha sido oficialmente banido, todos estavam sujeitos a punições por parte do Comitê Disciplinar da Uefa.
 
"Estes nove clubes reconhecem e aceitam que o projeto da Superliga foi um erro e pedem desculpas aos torcedores, associações nacionais, ligas nacionais, outros clubes europeus e à Uefa. Eles também reconhecem que o projeto não tinha autorização dos Regulamentos e Estatutos da Uefa", diz um trecho do comunicado.
 
Com relação aos três que ainda não desistiram do projeto, a Uefa manteve a ameaça de sanções.
 
"A Uefa se reserva o direito de tomar quaisquer ações que achar apropriadas contra aqueles clubes que tem até agora se recusado a renunciar à assim chamada Superliga. O assunto será levado aos órgãos disciplinares competentes da Uefa", encerra o comunicado.
 

Criação foi um fracasso

 
A Superliga Europeia, uma competição que os 12 clubes pretendiam criar como alternativa à Liga dos Campeões, foi anunciada no dia 18 de abril e gerou tantas críticas imediatas, tanto de organizações como Uefa e Fifa quanto de outros clubes e de torcedores dos próprios times fundadores, especialmente os ingleses, que não resistiu a 48 horas do anúncio.
 
Esse foi o tempo suficiente para os clubes da Inglaterra anunciarem a desistência da ideia, seguidos por outros quatro participantes.
 
Embora o presidente da Juventus, Andrea Agnelli, tenha dito na época que não acreditava que o projeto teria continuação, o clube de Turim não efetivou oficialmente sua desistência.

 
 
 
 

Receba notícias do SportBuzz no WhatsApp! Para fazer parte do canal CLIQUE AQUI!